21 jul 2006 - 16h43

Givanildo deixa o clube com aproveitamento de 38,46%

Treze jogos, acumulando quatro vitórias, três empates e seis derrotas. Esse é o retrospecto do Atlético sob o comando do técnico Givanildo Oliveira, que acumulou aproveitamento de apenas 38,46% no comando do Furacão.

A estréia de Givanildo traz más lembranças para a torcida atleticana. Foi no dia 05 de abril, quando o empate por 0 a 0 contra o Volta Redonda, na Kyocera Arena, resultou na eliminação do clube na Copa do Brasil – competição considerada o atalho mais curto para o retorno do time à Copa Libertadores da América.

No campeonato Brasileiro, o desempenho atleticano também não foi melhor. O time perdeu as duas primeiras partidas na competição, conseguindo a primeira vitória apenas na terceira rodada, contra o Botafogo, no Rio de Janeiro. Em casa, o time só conseguiu ganhar na nona rodada, quando derrotou o Juventude por 1 a 0.

Confira o desempenho do Atlético sob o comando de Givanildo Oliveira:

– 05/04/06 – Atlético 0 x 0 Volta Redonda – Copa do Brasil
– 16/04/06 – Atlético 1 x 2 Fluminense – Campeonato Brasileiro
– 23/04/06 – Santos 2 x 0 Atlético – Campeonato Brasileiro
– 29/04/06 – Botafogo 0 x 4 Atlético – Campeonato Brasileiro
– 07/05/06 – Atlético 1 x 2 Internacional – Campeonato Brasileiro
– 14/05/06 – Santa Cruz 1 x 2 Atlético – Campeonato Brasileiro
– 20/05/06 – Atlético 2 x 3 Goiás – Campeonato Brasileiro
– 24/05/06 – São Caetano 2 x 1 Atlético – Campeonato Brasileiro
– 27/05/06 – Atlético 1 x 0 Juventude – Campeonato Brasileiro
– 31/05/06 – Cruzeiro 1 x 1 Atlético – Campeonato Brasileiro
– 04/06/06 – Atlético 2 x 0 Palmeiras – Campeonato Brasileiro
– 12/07/06 – Atlético 0 x 0 Fortaleza – Campeonato Brasileiro
– 16/07/06 – Paraná 2 x 1 Atlético – Campeonato Brasileiro



Últimas Notícias

Sul-Americana

Caminhando pela América

Dentro de uma semana o Athletico volta a campo na primeira partida da equipe principal e num dos torneios cobiçados pelo clube na temporada: a…