23 jul 2006 - 17h59

É possível ficar otimista?

O Atlético perdeu para o Vasco da Gama por 2 a 1 na tarde deste domingo no Estádio de São Januário, pela décima terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Foi a sétima derrota do Atlético, que agora está a apenas dois pontos da zona de rebaixamento. Com o pedido de demissão de Givanildo Oliveira a dois dias da partida, o time acabou sendo dirigido interinamente pelo preparador de goleiros Privati. Já contratado, o técnico Vadão conversou com os jogadores nos vestiários e acompanhou o jogo em um camarote. Mesmo com a derrota atleticana, Vadão declarou ao final do jogo que está otimista com a recuperação do time no Campeonato Brasileiro.

A partida foi muito ruim em termos técnicos, especialmente no primeiro tempo. Desinteressados, os jogadores dos dois times erraram muitos passes. No segundo tempo, o jogo melhorou um pouco. O Atlético foi um pouco superior, mas desperdiçou chances incríveis e cometeu falhas que acabaram causando a derrota.

O primeiro tempo foi de baixíssima qualidade técnica. As duas equipes criaram poucas jogadas ofensivas e o jogo se concentrou no meio-campo, em uma disputa de bola intensa. Para se ter uma idéia do que foi a partida na primeira etapa, basta citar que o primeiro chute a gol ocorreu apenas aos 18 minutos. Denis Marques arriscou de longe e mandou para fora.

As melhores chances do Vasco surgiram em jogadas de Edilson, que atormentou a marcação atleticana. João Leonardo e Alex cometeram várias faltas para impedir os avanços do veterano atacante vascaíno. Porém, nem assim o Vasco ameaçou a meta atleticana. Aos 35, Cléber fez boa defesa em cobrança de falta de Andrade e aos 40, Edilson cabeceou uma bola na trave, mas o árbitro já havia marcado tiro de meta quando Wagner Diniz ultrassou a linha de fundo antes de fazer o cruzamento.

O primeiro tempo acabou sob vaias dos torcedores presentes a São Januários, constrangidos pelo mau futebol apresentado pelos times.

Vacilo no final

Se no primeiro tempo os times demoraram 18 minutos para chutar a gol, na etapa final foi bem diferente. Logo aos 30 segundos, Valdir Papel cabeceou um cruzamento da direita e Cléber defendeu. Um minuto depois, Morais escapou da marcação do estreante Marcelo Silva, invadiu a área com um drible desconcertante em João Leonardo e chutou forte no canto direito de Cléber, que não pôde evitar o gol vascaíno.

Depois do gol, o Vasco se retraiu e esperou o tempo passar. O Atlético subiu de produção e jogou melhor. Aos 11 minutos, Denis Marques perdeu uma chance incrível. Ele recebeu um passe de Ferreira no círculo do meio-campo, avançou em direção à área e tentou encobrir o goleiro Cássio, que acabou interceptando a bola. Sete minutos depois, foi a vez de Ferreira desperdiçar uma excelente oportunidade. Carlos Alberto lançou o colombiano, que dentro da pequena área conseguiu a proeza de chutar em cima de Cássio.

O gol de empate acabou saindo quando a torcida já havia perdido as esperanças. Carlos Alberto cobrou falta da esquerda, Herrera tentou desviar e Cássio espalmou. No rebote, o próprio Herrera mandou para o fundo da rede. Desta vez, foi a torcida vascaína quem perdeu as esperanças. Mas o final do jogo ainda reservava algumas emoções.

Aos 44 minutos, Alex cometeu uma falta em Ernani na entrada da área e foi expulso. Na cobrança, Andrade acertou o canto direito de Cléber e garantiu a vitória do time da casa.

%ficha=499%

Melhores momentos da partida

Primeiro tempo
18 min – Alan Bahia rouba a bola na defesa e puxa o contra-ataque. A jogada é concluída com o primeiro chute a gol do Atlético no jogo. De fora da área, Denis Marques bate rasteiro para fora.
24 min – Valdir Papel arrisca de fora da área, mas chuta para fora.
28 min – Ramon cobra falta e a bola pega no lado externo da rede.
31 min – Andrade cobra falta de longe e Cléber defende.
35 min – Andrade bate falta novamente e Cléber espalma para escanteio.
40 min – Wagner Diniz passa por Ivan na linha de fundo e cruza para Edilson cabecear na trave.
46 min – Fim do primeiro tempo.

Segundo tempo
02 min – Gol do Vasco. Morais escapa da marcação de Marcelo Silva, dribla João Leonardo e chuta forte no canto direito de Cléber.
11 min – Ferreira lança Denis Marques, que avança com grande velocidade e invade a área, mas Cássio faz a defesa.
13 min – Carlos Alberto cobra falta e Cássio espalma para escanteio.
18 min – Ferreira recebe de Carlos Alberto e, dentro da pequena área, chuta em cima de Cássio.
38 min – Gol do Atlético. Carlos Alberto cobra falta da esquerda, Herrera desvia de Cássio, empatando o jogo.
45 min – Gol do Vasco. Andrade cobrou falta no canto direito de Cléber.
49 min – Fim da partida.



Últimas Notícias