25 jul 2006 - 18h47

Delegação sul-coreana recebe camisa do Furacão

Nesta terça-feira, a cidade de Curitiba tornou-se irmã da sul-coreana Suwon. E, para marcar a união entre as duas cidades, o prefeito de Suwon, Kim Yong-Seo, vai levar de lembrança para a Coréia do Sul uma camisa do Atlético.

A comitiva veio à capital paranaense para marcar o início da irmandade entre Suwon e Curitiba, cujo protocolo foi assinado por Yong-Seo e o prefeito Beto Richa. O documento permite a troca de experiências em diversas áreas, como a econômica, turística, cultural, de urbanismo, transporte e ambiental.

Em visita à Câmara Municipal de Curitiba, Kim Yong-Seo foi presenteado com uma camisa do Clube Atlético Paranaense. O presente foi dado pelo presidente da Casa, João Cláudio Derosso, e o vereador Mario Celso Cunha, torcedores do Furacão.

Furacão em terras asiáticas

O nome do Clube Atlético Paranaense não soa estranho para os sul-coreanos. Afinal, na Copa do Mundo organizada na Coréia e no Japão, um ex-jogador do Rubro-negro brilhou por lá: Kleberson, uma das peças fundamentais do time de Luis Felipe Scolari para a conquista do pentacampeonato pela seleção brasileira.

Além disso, várias delegações sul-coreanas já estiveram no centro de treinamentos atleticano fazendo pré-temporada. O último time daquele país a vir para Curitiba foi o Daejeon Citizen, que veio fazer a pré-temporada no CT do Caju no início deste ano.

Outra ação atleticana em terras asiáticas está na China. Desde outubro de 2004, o Atlético mantém uma parceria na cidade de Qing Dão, com uma escolinha de futebol no país mais populoso do mundo.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Curitiba (adaptada pela Furacao.com)



Últimas Notícias

Paranaense

Atletiba acaba empatado

Coritiba e Athletico ficaram no empate de 1 X1 no Couto Pereira no final da tarde, quase noite pelo Paranaense 2024. Mastriani abriu o placar…