28 jul 2006 - 8h59

Manchetes atleticanas desta sexta-feira

Vadão busca um Atlético tão veloz como o de 1999
Um time rápido, mortal no contra-ataque e que encurrala os adversários em casa. Se o Atlético ficou conhecido nacionalmente desta maneira nos últimos anos, deve bastante ao técnico Oswaldo Alvarez.

 

Técnico vira tábua de salvação no Atlético
O Atlético deposita em Vadão as esperanças de uma nova fase no Brasileiro. A torcida se mobiliza e os jogadores mostram-se mais animados, mas a história recente revela que nem sempre a troca no comando traz resultados imediatos na Baixada.

 

Erandir fratura o pulso e não joga
O volante Erandir, 23 anos, ficará fora dos planos do técnico do Atlético, Oswaldo Alvarez, nos próximos 20 dias. O jogador fraturou um dos ossos da mão esquerda e a previsão dos médicos é que a recuperação demore cerca de três semanas. Contra o Flamengo, no domingo, ele atuaria improvisado como terceiro zagueiro, função que já desempenhou com o técnico anterior, Givanildo Oliveira.

 

Erandir vetado para o jogo contra o Flamengo
O volante Erandir foi vetado pelo departamento médico do Atlético-PR. O jogador fraturou um osso da mão esquerda e não participa do jogo deste domingo, contra o Flamengo, na Kyocera Arena, pelo Brasileiro.

 

Fabrício quer jogar contra o Flamengo
Pintou um problema dos bons para o técnico Vadão para ele armar o time que vai enfrentar o Flamengo, domingo, na Arena da Baixada. Ele estava determinado a escalar a equipe com três volantes, mas o meia Fabrício mostrou-se completamente recuperado de uma lesão muscular e disse que quer jogar de qualquer jeito.

 


Últimas Notícias