31 jul 2006 - 22h57

Beto Richa conhece projeto para conclusão do estádio

A diretoria do Atlético apresentou nesta terça-feira ao prefeito de Curitiba, Beto Richa, secretários municipais e vereadores o projeto para a ampliação da Kyocera Arena. A comitiva rubro-negra, liderada pelo presidente do Conselho Deliberativo, Mário Celso Petraglia, mostrou os estudos que incluem o aumento da capacidade máxima do estádio para cerca de 40 mil pessoas e a construção da Areninha – um moderno ginásio de esportes anexo ao estádio, com capacidade para seis mil espectadores.

As obras para a conclusão da Baixada começarão no início de 2007 – a partir de janeiro o clube poderá utilizar o terreno atualmente ocupado pelo colégio Expoente.

O futuro do colégio também foi um dos assuntos debatidos na reunião desta terça, na Prefeitura.

O novo prédio que está sendo construído pelo Expoente, numa região próxima à Arena, no bairro Água Verde, está localizado numa zona que permite apenas a construção de residências. Se não tiver a liberação da prefeitura, o colégio poderia criar empecilhos para sair do local em dezembro – apesar do terreno ser de propriedade do Atlético -, causando um problema para o início das obras.

A Secretaria de Urbanismo pediu uma semana de prazo para encontrar uma solução. A mais provável seria alterar a lei de zoneamento urbano da região, autorizando assim a construção do colégio e liberando a área anexa ao estádio para uso do clube.



Últimas Notícias

Sul-Americana

Caminhando pela América

Dentro de uma semana o Athletico volta a campo na primeira partida da equipe principal e num dos torneios cobiçados pelo clube na temporada: a…