8 ago 2006 - 19h53

A maldição do 2 a 1

2 a 1 para o adversário. Esse é o placar que está perseguindo o Atlético esse ano. Das treze derrotas do Furacão na temporada, nove foram por este resultado. Às vezes um final justo, outras não, mas o fato é que esses números estão sendo a maldição do time em 2006.

Este marcador aconteceu em todas as competições que o Rubro-Negro disputou até agora e inclusive tirou o time da disputa de dois títulos. Nas quartas-de-final do Campeonato Paranaense, o time atleticano foi eliminado pela ADAP por um duplo 2 a 1. Na segunda rodada do principal objetivo do Atlético em 2006, a Copa do Brasil, esse resultado voltou a assombrar o Furacão. No primeiro jogo, no Rio de Janeiro, contra o Volta Redonda, o time carioca venceu por este placar e teve a vantagem de no jogo de volta, na Kyocera Arena, jogar pelo empate. E foi o que aconteceu, um 0 a 0 acabou com as chances do time na competição.

No Campeonato Brasileiro, essa situação não está sendo muito diferente. Nestas quinze rodadas disputadas até agora, o Rubro-Negro perdeu seis jogos por este marcador.

Confira abaixo os jogos que acabaram com esse placar:

12/03/06 – ADAP 2 x 1 Atlético – Paranaense
19/03/06 – Atlético 1 x 2 ADAP – Paranaense
22/03/2006 – Volta Redonda 2 x 1 Atlético – Copa do Brasil
16/04 – 18h10 – Atlético 1 x 2 Fluminense – Brasileiro
07/05 – 16h00 – Atlético 1 x 2 Internacional – Brasileiro
24/05 – 21h45 – São Caetano 2 x 1 Atlético – Brasileiro
16/07 – 18h10 – Paraná 2 x 1 Atlético – Brasileiro
23/07 – 16h00 – Vasco 2 x 1 Atlético – Brasileiro
05/08 – 18h10 – Corinthians 2 x 1 Atlético – Brasileiro

Matéria elaborada a partir da sugestão do leitor Murilo Schmitt.



Últimas Notícias