20 ago 2006 - 22h00

Marcos Aurélio diz que a garra prevaleceu

O atacante Marcos Aurélio foi o responsável pelo gol de empate do Atlético com o Figueirense por 3 a 3 na noite deste domingo, em Florianópolis. Ele marcou aos 43 do segundo tempo o seu primeiro gol com a camisa rubro-negra. "Deixamos um trevo na cabeça do professor Vadão. Nós atacantes vivemos de gols. Hoje eu tive a oportunidade de fazer o gol e buscar esse resultado que foi importante para a gente", comentou.

Para o jogador, o principal destaque da equipe no jogo deste domingo foi a força de vontade. "O que prevaleceu foi a força, a garra da nossa equipe. Agora é pensar na Ponte, que será um jogo muito importante e a gente não pode deixar escapar a vitória", opinou.

Marcos Aurélio fez questão ainda de destacar o apoio da torcida atleticana, que compareceu em grande número ao Orlando Scarpelli. "A força da torcida foi muito importante. Eles vieram e mostraram a força que eles têm. Nós temos de fazer a nossa parte dentro de campo", finalizou.



Últimas Notícias

Sul-Americana

Caminhando pela América

Dentro de uma semana o Athletico volta a campo na primeira partida da equipe principal e num dos torneios cobiçados pelo clube na temporada: a…