29 ago 2006 - 19h44

A hora e a vez de Navarro Montoya

Alberto Gottardi, Caju, Laio, Roberto Costa, Marolla, Ricardo Pinto, Flávio, Diego. A lista de grandes goleiros que já vestiram a camisa número um do Atlético é extensa. Nomes como Ivan, Gilmar, Rafael e Altevir também são lembrados com carinho pelos atleticanos mais antigos. É uma relação mágica. No gol em que Alberto Gottardi passou para seu irmão Caju fazer história ficou uma espécie de tradição: apenas os grandes goleiros teriam o privilégio de defender o Atlético. Missão que este ano vem sendo cumprida com maestria e brilho pelo titular da camisa número um do Atlético, o goleiro Cléber.

Mas nesta quarta-feira, pela primeira vez em 19 rodadas do Campeonato Brasileiro, o titular na meta atleticana não poderá ser Cléber, que cumpre suspensão por ter levado o terceiro cartão amarelo no jogo contra o Fluminense. Entra em cena, então, o colombiano naturalizado argentino Navarro Montoya, que fará a sua estréia pelo Furacão.

Carlos Fernando Navarro Montoya chegou ao Atlético em junho deste ano, em meio a muita polêmica. Sua contratação foi publicamente desaprovada pelo então técnico do clube, Givanildo Oliveira, que chegou a ameaçar abandonar o cargo caso o goleiro viesse para o Atlético. Ídolo da torcida do Boca Juniors nos anos 90, Montoya foi considerado no ano passado o 16º melhor goleiro do mundo pelo ranking da IFFHS (Federação Internacional e História e Estatísticas do Futebol), defendendo o Gimnasia La Plata, vice-campeão do Torneio Apertura do futebol argentino.

Nome importante do futebol argentino, ele atuou ainda em equipes da Espanha, do Chile e da Colômbia. Agora, aos 40 anos de idade, Montoya vive a expectativa de estrear no futebol pentacampeão do mundo. "Para mim será desafio pessoal jogar no Brasil. Joguei na Argentina e na Europa e a possibilidade de atuar no futebol brasileiro é muito importante", disse.

Segundo ele, o principal desafio em seu primeiro jogo com a camisa do Furacão será o de ajudar a equipe a somar pontos no Campeonato Brasileiro, na trajetória de recuperação do time na competição. "Estou muito contente em estrear pelo Atlético e espero contribuir com os meus companheiros para seguirmos marcando pontos e subindo na tabela", afirmou.

Apoio da torcida

Navarro Montoya estréia com a camisa atleticana contando com o apoio e a confiança da torcida. Devido à suspensão de Cléber, a Furacao.com fez uma enquete para saber qual era o goleiro preferido pelos torcedores para ser o titular no jogo contra o Santos. Dos mais de 3200 internautas que participaram da pesquisa, Montoya ficou com a preferência de 67.1%, contra 32.9% de Tiago Cardoso, que deverá ficar no banco de reservas na partida desta quarta-feira.



Últimas Notícias