3 set 2006 - 18h34

Lima não comemorou os gols contra o Atlético

O atacante Lima teve uma passagem rápida pelo Atlético, mas suficiente para criar laços fortes. Ele defendeu o Rubro-Negro durante a temporada de 2005. Foi campeão paranaense e vice-campeão da Libertadores. Conseguiu vencer as críticas e a desconfiança da torcida e tornou-se um dos jogadores mais admirados pela torcida. Deixou o Atlético e passou por Al Ittihad e São Paulo antes de chegar ao Botafogo há poucos dias.

Neste domingo, Lima voltou à Kyocera Arena, mas para jogar contra o Atlético. Marcou dois gols na goleada do Botafogo por 5 a 0 e participou de um capítulo triste da história rubro-negra. Mesmo assim, durante o jogo Lima teve seu nome gritado pela torcida do Atlético.

A ligação entre Lima e o Atlético ficou explícita nos momentos em que ele marcou os gols contra o Rubro-Negro. O atacante não comemorou os gols e limitou-se a erguer os braços e a cumprimentar os companheiros. Depois, Lima explicou que deixou de comemorar em sinal de respeito à instituição Atlético. Ele lembrou que quando deixou o Atlético avisou que não iria comemorar gols caso viesse a marcar algum dia contra o Rubro-Negro e, agora, cumpriu o prometido.



Últimas Notícias