6 set 2006 - 11h11

Vadão quer que time esqueça o Brasileiro

O Atlético que estréia nesta quarta-feira na Copa Sul-Americana, contra o Paraná, vai ser um time totalmente focado na competição. Pelo menos, é o que promete o técnico Vadão.

"Temporariamente temos que esquecer o Brasileiro. É uma competição com um outro critério. É eliminatória, tem saldo de gols e pênaltis", afirma.

Vadão espera um jogo difícil contra o Paraná, pois acredita que o adversário também buscará a vitória para se reabilitar e superar os recentes resultados negativos. "O Paraná também vem de derrota e é claro que uma vitória em um clássico, mesmo sendo em uma outra competição, dá uma motivação bem maior. O psicológico das duas equipes está parecido", analisa.

Ele vê na partida de estréia na competição a oportunidade de superar a derrota para o Botafogo, na rodada do último fim de semana. Para Vadão, a inteligência será a chave para vencer. "O grupo vinha de maus resultados e teve uma reação importante nos últimos quatro jogos antes do Botafogo. Conversamos sobre a derrota, depois mostramos que temos condições de fazer melhor", explica.



Últimas Notícias

Sul-Americana

Caminhando pela América

Dentro de uma semana o Athletico volta a campo na primeira partida da equipe principal e num dos torneios cobiçados pelo clube na temporada: a…