20 set 2006 - 22h41

Jogadores destacam a mudança de postura no 2º tempo

Um jogo, dois Atléticos. É assim que os jogadores do Furacão definiram a partida desta quarta-feira, contra o Goiás. Depois de sair perdendo por 2 a 0 no 1º tempo, o Rubro-negro buscou a reação na etapa final e conseguiu o empate, aos 45 minutos, com um gol salvador do meia William.

Para os jogadores atleticanos, a principal lição que fica no Serra Dourada é de que o time precisa entrar atento na partida desde o começo. A mudança de atitude no intervalo, afirmam, foi o principal diferencial para conseguir o empate, que pelas circunstâncias, acabou saindo com gostinho de vitória.

“No primeiro tempo fomos muito mal, erramos muito no jogo aéreo. Já no segundo tempo conseguimos acertar a marcação no meio, o que facilitou bastante”, afirmou o zagueiro João Leonardo.

Autor do primeiro gol atleticano no jogo, o lateral-esquerda Michel destacou também a melhora na marcação nos últimos 45 minutos do jogo. “Fizemos um primeiro tempo irreconhecível, muito fraco na marcação. No segundo tempo tivemos outra mentalidade, com o time pegando mais. fica a lição para não entrar mais sonolento, não tomar gols no começo”, disse.



Últimas Notícias