23 set 2006 - 19h59

Hélio admite equívocos nas substituições

O técnico Hélio dos Anjos, do São Caetano, tomou uma rara atitude depois da derrota de sua equipe para o Atlético por 3 a 1 neste sábado, na Kyocera Arena. Ele admitiu que errou nas modificações efetuadas durante o jogo e considerou que esse foi o principal fator para sua equipe perder o jogo. "Eu acabei com o meu time com as duas substituições que eu fiz. Deixei o Atlético dominar o jogo", comentou Hélio, que dirigiu o Atlético em 1995, ainda na fase pré-Mario Celso Petraglia.

O técnico reconheceu que o Atlético mereceu vencer o jogo. "O Atlético mereceu o resultado. Até antes do jogo, o Atlético estava disputando o mesmo campeonato que a gente. Agora, o Atlético vai disputar outro campeonato e o São Caetano vai disputar o campeonato contra o rebaixamento", disse.

Para encerrar, Hélio dos Anjos não escapou de seguir algo muito comum entre os técnicos: as reclamações da arbitragem. "Ele (Paulo Henrique de Godoy Bezerra) é de um autoritarismo impressionante. A forma de tomar as decisões não têm necessidade. Mas eu sei a necessidade: é mostrar para o Brasil que ele não vai deixar fazerem com ele o que fizeram no jogo Botafogo x Corinthians. Ele estava na geladeira até semana passada, então quis se mostrar", finalizou.



Últimas Notícias

Sul-Americana

Caminhando pela América

Dentro de uma semana o Athletico volta a campo na primeira partida da equipe principal e num dos torneios cobiçados pelo clube na temporada: a…