19 out 2006 - 9h59

Manchetes atleticanas desta quinta-feira

Atlético sacrifica “El Paranaense”
Apesar da empolgação que tomou conta da torcida rubro-negra depois da classificação para as quartas-de-final da Copa Sul-Americana em cima do River Plate, o técnico Vadão decidiu sacrificar um pouco o internacional “El Paranaense” para dar fôlego ao ameaçado Atlético no Brasileiro.

 

Atlético encara tradição e pressão da torcida em Montevidéu
O Atlético enfrenta hoje mais uma prova de fogo pela Copa Sul-Americana. A partir das 16h (de Brasília), o Furacão encara o Nacional, em Montevidéu, num confronto em que terá que superar toda a tradição do adversário e a pressão da torcida uruguaia, no acanhado Estádio Parque Central.

 

Guerra de nervos
Atlético disputa hoje às 16 horas a partida de ida das quartas-de-final da Copa Sul-Americana, contra o Nacional, em Montevidéu. O jogo de volta está marcado para a próxima quarta-feira, na Baixada. Quem passar dessa fase, enfrentará nas semifinais o vencedor do confronto entre Lanus, da Argentina, e Pachuca, do México. O Atlético é o único representante do Brasil na competição – os outros sete já foram eliminados.

 

Atlético-PR reencontra Nacional, do Uruguai, em Montevidéu
Seis anos depois, o Atlético Paranaense reencontrará o Nacional, do Uruguai, em um torneio continental. As duas equipes se enfrentaram na Libertadores da América de 2000 e desta vez disputarão as quartas-de-final da Copa Sul-Americana.

 

Furacão quer surpreender o Nacional no Uruguai
O Atlético segue hoje na luta para não passar em branco na temporada. A equipe do técnico Oswaldo Alvarez enfrenta o Nacional, às 16 horas (de Brasília), no Estádio Gran Parque Central, em Montevidéu, no Uruguai, pelas quartas-de-final da Copa Sul-Americana. O time paranaense busca os gols para atuar com mais tranquilidade na partida de volta, marcada para 25 de outubro, na Kyocera Arena.

 

Atlético inicia a batalha com o Nacional
Vai ser uma tremenda fumaça! O adversário está levando a Copa Sul-Americana a sério e está armando um clima de guerra. Então, o Atlético que se cuide porque a partida de hoje, a partir das 16horas (horário de Brasília), no Estádio Gran Parque Central, em Montevidéu, contra o Nacional, não será nada fácil.

 


Últimas Notícias