28 out 2006 - 22h21

Para Caio Júnior, atacantes desequilibraram

O técnico Caio Júnior considera que Atlético e Paraná Clube realizaram um jogo equilibrado neste sábado, na Kyocera Arena. Mesmo com a derrota de seu time por 4 a 0, Caio afirmou que o desempenho tático do Paraná foi muito bom, mas que o jogo foi decidido em razão da qualidade técnica dos avantes atleticanos. “A definição muito clara é que a qualidade individual dos atacantes do Atlético fez a diferença. No primeiro lance que o Ferreira se desmarcou, ele sofreu o pênalti. No segundo tempo, eles conseguiram duas ou três jogadas e fizeram jogadas espetaculares. Eu fui atacante, eu sei como é. Méritos totais para os jogadores do Atlético", afirmou o treinador, que em sua época de atacante defendeu Grêmio, Internacional e o próprio Paraná Clube.

O técnico paranista também destacou a força do Furacão na Kyocera Arena. “Taticamente, a equipe esteve bem, mas aqui dentro não é fácil. Não foi só o Paraná que sofreu aqui. Eles tiveram qualidade para fazer os gols", comentou.

Para encerrar sua coletiva, Caio Júnior apontou a estrutura do Atlético como outro fator que pesou em favor do Rubro-Negro: “Financeiramente o Paraná tem grandes dificuldades. O Atlético trabalha com o Evandro Motta, que está fazendo um grande trabalho. Eu preciso de ajuda na parte motivacional, eu não posso resolver tudo. Eu tenho procurado resolver da melhor maneira, mas nem sempre é possível".



Últimas Notícias