12 nov 2006 - 22h49

Vadão: "Tínhamos que poupar jogadores"

Após a derrota para o Grêmio por 3 a 2, neste domingo, na Kyocera Arena, o técnico Oswaldo Alvarez afirmou em entrevista coletiva que as atenções da equipe agora estão somente voltadas para a semifinal contra o Pachuca, na próxima quarta-feira. O técnico atleticano ainda analisou a partida contra o time gaúcho e alguns jogadores que tiveram a oportunidade de jogar neste domingo. O volante Chico foi um dos jogadores mais elogiados pelo treinador.

O torcedor atleticano deve estar se perguntando se o atacante Dagoberto agora voltará a figurar na equipe titular, o comandante atleticano confirmou que gostou da atuação de Dago e que poderá utiliza-lo na disputa do torneio continental. Vadão ainda falou sobre a arbitragem, analisou a partida, e comentou que assistiu os dois jogos do Pachuca contra o Lanus, nas quartas-de-final da competição e afirmou que o jogo não será nenhum pouco fácil para o Rubro-Negro.

Confira abaixo alguns trechos da entrevista coletiva do técnico Vadão:

O JOGO
"Sofremos o terceiro gol no momento em que estávamos melhores no jogo. Perdemos no detalhe, porque quando estava 2 a 2, poderíamos ter feito o terceiro gol também. Mas eles foram felizes. Terminamos o primeiro tempo com o jogo equilibrado, mas dando espaço para o Grêmio jogar. Com um esquema ofensivo deixamos os zagueiros vulneráveis. No intervalo tiramos um meia e colocamos o Chico para marcar um pouco mais. Nenhuma das equipes foi superior".

ARBITRAGEM
"Ele foi confuso. Tivemos um jogo que não foi difícil de apitar. Não vou criticá-lo e falar que estava mal intencionado. Foi a primeira vez que ele apitou um jogo meu. Mas várias faltas no Dagoberto não foram dadas e nem um pênalti no Pedro que poderia ter nos dado o empate".

JOGADORES POUPADOS
"Foi um saldo positivo. Perdemos, mas tivemos uma atitude grande e equilibramos o jogo, mesmo com o time modificado. Tínhamos que fazer essa opção em algum momento e escolhemos fazer nesse momento crucial da Sul-Americana. São Paulo e Internacional conseguiram mudar algumas datas de seus jogos, mas nós não tivemos isso, não conseguimos. Tínhamos que descansar os jogadores para não corrermos riscos de lesões".

DAGOBERTO
"Não só ele, mas como todos os jogadores que estão inscritos na Sul-Americana podem ser usados nessa quarta-feira. Fizemos de tudo para que ele voltasse bem. Ele fez uma partida acima da expectativa porque estava muito tempo parado. Foi responsável pelo primeiro e pelo segundo gol. Amanhã, ele deverá apresentar um cansaço grande, mas o objetivo foi alcançado. Voltou bem e pode render ainda mais".

GUSTAVO
"Gostei bastante da atuação dele. Não só dele, mas do César também. Eles ficaram muito vulneráveis em virtude do esquema que fizemos. Mas mesmo sendo expostos eles fizeram uma boa apresentação".

CHICO
"Ele é um dos destaques da equipe de juniores do Atlético. Entrou no intervalo para fechar os espaços no meio-de-campo. Ele entrou e muito bem e deu a consistência que estávamos precisando".

PACHUCA
"Será um jogo dificílimo. Assisti aos dois jogos deles nas quartas-de-final e é uma equipe muito rápida e muito veloz. Eles jogam com técnica e não são faltosos como o Nacional. Além disso, eles têm uma facilidade para chegar ao gol. Vamos analisar tudo e estamos cientes do adversário que vamos enfrentar".

Com informações do site oficial do Atlético.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…