15 nov 2006 - 20h11

Danilo e Ferreira explicaram o resultado

Nesta quarta-feira, o Atlético não apresentou o mesmo futebol e raça mostrados em outras partidas da Copa Sul-Americana e caiu diante da equipe do Pachuca. O placar terminou em 1 a 0 para equipe mexicana, e além do péssimo resultado, mesmo empurrado por sua torcida, a equipe foi derrotada dentro da Kyocera Arena.

A explicação dos jogadores foi a mesma de todos os que assistiram ao jogo: o time não jogou da mesma maneira. Sem criar jogadas, e caindo na excelente armação tática dos Tuzos, o Rubro-Negro não conseguiu desencantar. O capitão da equipe, o zagueiro Danilo, enalteceu a atuação da equipe adversária e disse que a mística atleticana não apareceu. "Não jogamos como vínhamos jogando as outras partidas. O Pachuca tocava muito bem a bola e os jogadores não se afobavam. Demos espaço para eles tocarem a bola. Não tivemos aquela concentração e um algo mais dos outros jogos", afirmou.

Mesmo com o marcador desfavorável em casa, o zagueiro atleticano declarou que esta foi a primeira batalha, a equipe atleticana quer mesmo vencer a guerra. Para conquistar a vitória no México o Atlético contará com o fato de ter ganho todas as partidas que jogou fora de casa na competição sul-americana. "Essa disputa é feita em 180 minutos e perdemos só os primeiro 90 minutos. O nosso retrospecto fora de casa na Sul-Americana é muito bom. Então vamos tentar reverter esse resultado no México”, analisou.

O meia Ferreira também comentou que atuação atleticana diante do Pachuca deixou a desejar. Mas segundo o jogador a equipe irá para o México com vontade e determinação, para trazer na bagagem a conquista de um lugar na disputa pelo título da competição. "Sabíamos que o Pachuca era um bom time, que tocava bem a bola e que possuía jogadores de qualidade. Hoje não fizemos um bom jogo e não conseguimos o resultado. Temos a confiança de que em Pachuca possamos vencer. Mas vamos tranqüilos para o próximo jogo que será muito importante para nós", finalizou.

Agora para sonhar com a classificação para a final do torneio, o time atleticano terá que vencer os mexicanos por dois gols de diferença, na cidade de Pachuca. A data do duelo final entre as duas equipes está marcada para o dia 22 de novembro, no estádio Hidalgo.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…