18 nov 2006 - 21h23

Galo entra na lista dos campeões das séries A e B

Ser campeão Brasileiro da primeira e da segunda divisão. Um privilégio para poucos clubes e que neste sábado ganhou mais um representante na seleta lista. É o Atlético Mineiro, primeiro Campeão Brasileiro da primeira divisão (com o título conquistado em 1971) e que neste sábado garantiu o título da Série-B ao vencer o Ceará, por 1 a 0.

Das 19 equipes que já conquistaram o título máximo do futebol brasileiro, apenas seis podem estampar no peito as estrelas prata (em referência à conquista da 2ª divisão) e dourada (referente ao título da 1ª divisão). O Atlético é um deles, com os títulos da Série-B, em 1995, e da primeira divisão, em 2001. Além do Furacão e do o Atlético-MG, outros quatro times integram a relação: Grêmio (campeão da Série A em 1981 e 1996 e da Segundona em 2005), Guarani (que venceu a Série B em 1981 e a 1ª divisão em 1978), Sport (campeão da Segundona em 1990 e do Brasileiro em 1987) e Palmeiras (em 2003 campeão da Série B e tetracampeão na Série A – 1972, 1973, 1993 e 1994).

As duas estrelas do Atlético

Em 1995, o Atlético conquistou seu primeiro título nacional, com a conquista do Campeonato Brasileiro da Série-B. Era a volta em grande estilo do Furacão à elite do futebol nacional. Com uma campanha arrasadora, o Atlético dominou a Segundona daquele ano – em 28 partidas, foram 20 vitórias, cinco empates e apenas três derrotas, acumulando aproveitamento de 77,38%. Além da taça, o Rubro-negro teve também o maior número de vitórias, o artilheiro da competição, melhor ataque, melhor defesa e melhor média de público e renda.

Seis anos depois, o clube conquistou o Brasileiro da 1ª divisão. Em 31 jogos, foram 19 vitórias, seis empates e seis derrotas, marcando 68 gols e sofrendo 45. A equipe comandada pelo técnico Geninho apresentava um futebol rápido, ousado e ofensivo, chamando a atenção e encantando todo o país. Nas partidas finais, contra o São Caetano, duas vitórias que não deixaram dúvidas sobre a superioridade do Atlético naquele ano: 4 a 2 na Baixada e 1 a 0 no Anacleto Campanella, resultados garantiram o título de melhor time do Brasil ao Furacão da Baixada.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…