14 dez 2006 - 0h59

Pachuca conquista o título da Sul-Americana

O Pachuca foi o grande vencedor da Copa Nissan Sul-Americana. O time mexicano venceu nesta quarta-feira, o Colo Colo, de virada por 2 a 1 e levantou o caneco intercontinental. A partida aconteceu no estádio Nacional, em Santiago, e contou com mais de 60 mil pagantes, a maioria torcedores do time chileno, que mesmo em grande quantidade não evitaram a vitória dos Tuzos.

Na primeira partida da decisão, no México, o marcador terminou em 1 a 1. Assim se a equipe do Colo Colo tivesse arrancado um empate em 0 a 0 sagrar-se-ia campeã. Mas o Pachuca não tomou conhecimento de jogar fora de casa, sem sua torcida, e foi para cima dos chilenos.

O jogo foi digno de uma final. O time da casa saiu na frente no placar. Aos 34 minutos do primeiro tempo o atacante Suazo recebeu na área, perto da marca do pênalti e chutou forte no canto esquerdo do goleiro Calero. Esta foi a décima vez que o atacante balançou as redes na competição sendo o artilheiro isolado. O time chileno foi para o intervalo com a vantagem, mas a conversa nos vestiários mexicanos surtiu efeito porque logo aos 8 minutos da segunda etapa, Caballero, desviou um cruzamento da esquerda e empatou a partida. Com o jogo em 1 a 1, a decisão se encaminhava para as penalidades. Mas o Pachuca queria mais, queria a vitória. E aos 27 minutos a virada aconteceu. Em um contra-ataque rápido puxado pelo meia Alvarez, que driblou três adversários, e passou para Gimenez bater cruzado e liquidar a partida.

O Pachuca, do México, que eliminou o Furacão nas semifinais da competição, ao apito do arbitro pode então levantar o caneco da Copa Sul-Americana. Com isso, oito anos após iniciar a sua participação em torneios interclubes da América do Sul, o futebol mexicano enfim festejou a conquista de seu primeiro título.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…