14 dez 2006 - 15h33

Rodrigão treina sozinho no CT do Caju

Os jogadores do Atlético estão de férias. Mas nem todos. O atacante Rodrigão treina só no CT do Caju. O jogador, que se recuperou de uma hepatite C e ficou dez meses afastado dos gramados, quer agora recuperar o tempo “perdido”.

Na segunda quinzena de abril, o atacante recebeu a notícia que estava doente e que teria de se afastar do futebol por seis meses para se tratar. Com isso, o jogador, que havia balançado por três vezes as redes no Campeonato Paranaense, ficou de fora da disputa da Copa Sul-Americana e do Campeonato Brasileiro deste ano.

Rodrigão ficou oito meses longe da bola, até voltar a treinar em novembro. Em entrevista à Rádio Transamérica, o atleta contou que espera mostrar para a torcida atleticana todo seu talento. “Tenho um ano inteiro pela frente para mostrar o meu futebol porque infelizmente em 2006 eu não consegui. Sempre fui artilheiro nas equipes onde passei e quero deixar a minha marca aqui no Atlético”, disse.

O jogador, de 28 anos, afirmou que se reapresentará ao Furacão junto com os demais atletas no dia 3 de janeiro mas que sua recuperação está sendo lenta, já que durante o tratamento perdeu massa muscular e ritmo de jogo. “Não estou totalmente recuperado, até porque o que peguei é um vírus e o tratamento é demorado. Perdi muita massa muscular nos meses em que fiquei parado, mas já estou fazendo um trabalho físico intenso. Vou treinar até o dia 23 de dezembro e depois me apresento normalmente com o time no dia 3. Não vejo a hora de treinar com eles de novo”, finalizou.

Rodrigo Fernandes Alflen assinou com o Atlético até 31/12/2007. Sua estréia com a camisa rubro-negra no dia 18 de janeiro, quando entrou no segundo tempo da partida contra o Nacional de Rolândia, pelo estadual, e logo de cara marcou seu primeiro gol pelo Rubro-Negro .Ao todo o jogador disputou nove partidas, duas pela Copa do Brasil e sete pelo Paranaense. A última vez que o atacante pisou nos gramados foi no dia 5 de abril, pelas oitavas-de-final da Copa de Brasil, contra o Volta Redonda. Alguns dias depois o atacante recebeu a notícia que ficaria seis meses afastado do futebol.



Últimas Notícias