21 dez 2006 - 10h55

Acre inaugura estádio inspirado na Kyocera Arena

O modelo de praça esportiva para multieventos, lançado no futebol brasileiro pelo Atlético, está servindo de exemplo no Acre. O governo daquele estado inaugurou no último domingo a Arena da Floresta, com capacidade inicial para 20 mil torcedores.

"O projeto foi feito para 40 mil, mas pelas condições aqui fizemos primeiro 20 mil lugares", afirmou Luiz Volpato, um dos engenheiros que respondem pelo projeto – o mesmo responsável pelas obras da Arena atleticana e da Arena de Joinville, inaugurada em 2004 na cidade de Santa Catarina.

O estádio é o primeiro passo do complexo esportivo que o governo do Acre pretende implantar. Denominado “Cidade do Esporte”, o projeto prevê, ainda, a construção do Centro Olímpico de Rio Branco, com um conjunto de piscina olímpica, quinze quadras, ginásio coberto e pista de atletismo.

Estrutura

Para a conclusão da primeira etapa da obra, foram investidos R$ 20 milhões. Um dos diferenciais da “primeira Arena multieventos do Norte do país” é o gramado, que devido à adaptação com o clima local, concorre ao título de melhor de país.

Todo complexo foi planejado com padrão internacional, com vistas à possível realização da Copa de 2014 no Brasil. As bancadas da geral estão dispostas de modo a oferecer conforto aos torcedores. Os profissionais da imprensa também ganharam atenção especial, com oito cabines de rádio e TV e tribuna para profissionais de jornal e internet.

O estádio conta ainda com 198 lugares na área VIP e 40 vagas especiais para deficientes, montada segundo especificações da Fifa e da Uefa. Segundo Volpato, o projeto da Arena da Floresta é comparado ao estádio de Munique, usado na Copa do Mundo deste ano.

"Estádio é quase tudo concreto. O que faz um custar R$ 800 milhões é a cobertura total, estrutura que parece pneu na Allianz Arena. Fazemos estádio com R$ 20 milhões, sem cobrir totalmente”, explicou Volpato. “Se o Acre não for sede na Copa, pois é decisão política, a região pode ser uma subsede, receber seleções", concluiu.

Informações: Portal Amazônia e Folhapress



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…