24 dez 2006 - 10h57

Gabiru: “O Atlético me ajudou a crescer no futebol”

Durante quase oito anos, o titular da camisa número 8 do Atlético teve um dono: Adriano Gabiru. Hoje, campeão mundial interclubes pelo Internacional e autor do gol que garantiu a festa colorada, o meia revela que lá no Japão a torcida atleticana pôde sentir-se representada. “Fui criado no Atlético. Quando cheguei aqui não agüentava o frio, estava acostumado com o calor de Maceió. Quis ir embora, mas meus pais sempre incentivaram para eu ficar e agarrar essa chance. O Atlético me ajudou a crescer no futebol, aqui fui campeão brasileiro e cheguei à seleção”, disse o jogador, em entrevista ao portal Paraná Online.

Sobre um possível retorno ao Furacão (o clube, junto com o Cruzeiro, detém de 45% dos direitos federativos do jogador – os outros 55% são do Internacional), Adriano disse que sim, mas não neste momento. “Tenho contrato com o Inter até 2009 e espero ficar. Ainda mais depois de tudo o que aconteceu. Mas tenho muito respeito pelo Atlético e quem sabe um dia eu volte”, afirmou.

Na entrevista, Gabiru disse que não vê muitas diferenças entre o futebol paranaense e gaúcho e revelou-se torcedor do Furacão. “Não tem muita diferença. Jogar no Atlético ou no Inter é igual. O Paraná foi pra Libertadores, está de parabéns. Pena que o Coritiba não subiu. Sou atleticano, mas seria bom para o futebol paranaense ter o Coritiba de volta na 1.ª Divisão”, completou.

Clique aqui e leia a entrevista com Adriano na íntegra, publicada pelo portal Paraná Online.

Para saber mais sobre a passagem de Gabiru pelo Atlético, clique aqui.



Últimas Notícias

Torcida

Uma nova Aurora para o Furacão

A partida entre Athletico e Maringá realizada no último sábado, na Arena da Baixada, pela 3ª rodada do Campeonato Paranaense, foi um marco na vida…