13 jan 2007 - 23h54

Com dupla cidadania nas mãos, Danilo volta a treinar

Como a Furacao.com havia anunciado, o zagueiro Danilo estava desde de o final de dezembro em Roma, na Itália tentando agilizar o procedimento de obtenção de passaporte italiano. O jogador, que passou a virada do ano no país da bota, retornou ao Brasil nesta quarta-feira com o objetivo da viagem alcançado: a dupla cidadania nas mãos. De volta a Curitiba, Danilo se apresentou no CT do Caju para, junto com o restante do elenco atleticano, se preparar para a temporada 2007.

Sobre o primeiro passo para uma possível negociação, o zagueiro afirmou que desde que chegou ao Rubro-Negro, ele junto com a diretoria atleticana almejavam obter o passaporte italiano. "Isso já era um projeto meu e da diretoria quando fui contratado pelo Atlético Paranaense. Eu tenho descendência italiana e tinha como tirar esse passaporte. Tivemos um mês de folga e decidimos que eu viajaria para a Itália fazer isso. Fui para lá e consegui tirar a cidadania", disse.

O jogador ainda comentou que tanto ele como o Atlético vão se beneficiar deste feito, já que o Furacão lucraria muito mais com uma transferência para o futebol europeu. "É um ganho particular para mim e um ganho para o clube. Tenho contrato aqui e mais para frente isso ficará bom para o Danilo e para o Atlético", analisou. Sobre ter sido um dos últimos jogadores do elenco titular a se reapresentar, o capitão disse que em apenas poucos dias estará em forma para voltar a vestir a camisa atleticana. "Me reapresentei um pouco atrasado, mas agora já estou pensando exclusivamente na pré-temporada e no Atlético. Sou um jogador que não tenho problema de lesão, então em pouco tempo estarei treinando normalmente. Creio que em 20 dias já estarei apto para jogar", finalizou.

Ainda não se sabe qual será o destino de Danilo na temporada de 2007. Alguns veículos, como a Agência Placar e o Diário Popular, chegaram a divulgar que sua negociação fracassou e que ele permanecerá jogando pelo Atlético. Mas pelo que tudo indica, o capitão atleticano, e dono da camisa 3, deve ficar na Baixada por mais algum tempo.

Obtenção da dupla cidadania não é novidade no Furacão

Este tipo de mecanismo é conhecido dos atleticanos. O atacante Ilan e o volante Cocito, jogadores que foram negociados pelo clube e hoje estão no futebol europeu, também conseguiram a dupla cidadania. Com isso em mãos a possibilidade de um jogador de futebol acertar transferência para um time da Europa aumenta significativamente.



Últimas Notícias

Brasileiro

Desastre aéreo no Maracanã

O Athletico foi massacrado pelo Flamengo, que impôs 5 a 0, ao natural, nesse domingo(14), diante de 62 mil pessoas, no Maracanã, pela 22ª rodada…