24 jan 2007 - 15h32

Furacão joga para quebrar jejum em casa

Na noite desta quarta-feira, o Furacão entra em campo pensando somente na vitória. Além de mostrar para sua torcida que conta com jogadores de qualidade, o time tem como meta a quebra de um tabu de quatro derrotas consecutivas na Baixada. É a pior seqüência de derrotas desde a inauguração da Arena, em 1999.

Os jogadores sabem que não podem mais perder pontos em casa, como aconteceu contra o Rio Branco, no primeiro jogo do ano na Arena. “Perder em casa é a pior sensação que existe para um atleta. Ainda mais dentro da Baixada”, diz o zagueiro Gustavo, capitão e líder do time B do Atlético. O técnico Ivo Secchi aposta no mesmo time para derrotar a Portuguesa Londrinense nesta quarta, às 20h30, na Baixada.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Era uma vez…..

…. um time que vencia mas não convencia. Um time que tinha alguns padrões bem definidos e que quase sempre se repetiam jogo após jogo:…