3 fev 2007 - 19h57

Vadão afirma que time ainda está longe do ideal

Se a temporada do Atlético começou oficialmente neste sábado, com a estréia do time principal, pode-se afirmar que foi uma estréia com o pé direito. O comportamento do time, respeitando o adversário e suas próprias limitações foi considerado pelo técnico Oswaldo Alvarez a principal virtude dos jogadores atleticanos nesta tarde, na Kyocera Arena.

“Estamos longe do ideal, sabemos disso, mas tivemos um comportamento sério e isso foi fundamental para o time hoje. Nós tivemos a consciência necessária, tocamos bem a bola. A equipe do Nacional é muito bem armada”, afirmou. Na coletiva, Vadão destacou ainda o amadurecimento do grupo aos insucessos e à excessiva cobrança por parte da torcida no ano passado. “Tivemos hoje jogadores que são ídolos do Atlético, como o Alex Mineiro e o Marcão, que trazem confiança, trazem a liderança positiva, o que motivou o grupo. Hoje temos também um grupo que amadureceu bastante, até pelos momentos difíceis que passamos no ano passado”, completou o treinador atleticano.

Segundo Vadão, até a estréia do Furacão na Copa do Brasil, no próximo dia 21, contra o Coxim, o rendimento do time será bem melhor. “Nós sabemos que vamos chegar na Copa do Brasil num ponto bem melhor. Chegaremos lá já com três, quatro jogos, num comportamento bem melhor. Hoje gostei justamente disso, mesmo com a falta de ritmo, tivemos um bom comportamento”, afirmou Vadão.

Para o treinador atleticano, a decisão do Atlético em não usar o seu time principal nos primeiros jogos do Campeonato Paranaense não significa que o clube esteja desprezando a competição, mas sim colocando em primeiro plano uma melhor preparação do grupo, visando toda a temporada 2007. “Nós não estamos desprezando o campeonato regional. Mas priorizamos o mínimo de uma boa preparação. Se o campeonato regional começasse hoje, nós iríamos estrear com o time principal”, disse.



Últimas Notícias