21 fev 2007 - 10h34

Planejamento posto à prova

Na noite desta quarta-feira, as 21h30, todo o planejamento do primeiro semestre do Furacão será posto à prova no gramado do Estádio Morenão contra o desconhecido Coxim. O Rubro-negro foi um dos únicos clubes do país que realizou uma pré-temporada inteira priorizando a Copa do Brasil. Foram praticamente dois meses de treinamentos, incluindo toda a preparação para obter o condicionamento físico necessário além de procurar aprimorar a parte tática e técnica.

Nesse período, o Atlético se deu ao luxo de colocar em campo no campeonato estadual um time considerado B, tanto que contratou o técnico Ivo Secchi especificamente para treinar esse grupo, colocando o elenco principal apenas em quatro jogos (contra Nacional, Coritiba, Roma e Adap), focando o ganho de ritmo de jogo pelos atletas.

Porém para esta “estréia” na temporada 2007, a prioridade não é alcançar o ápice de toda esta preparação. Apesar da expectativa por um bom resultado, tirar a pressão do elenco, colocando como objetivo apenas a vitória e de preferência por dois gols de diferença que eliminaria a partida de volta na Kyocera Arena, assim como determina o regulamento da competição para esta primeira rodada.

Para o lateral-direita Jancarlos, chegou a hora de pôr em prática tudo o que foi realizado na pré-temporada. "Tivemos um bom tempo de preparação e já jogamos algumas partidas. Agora, temos que colocar tudo isso em prática nos jogos, principalmente nesta quarta-feira", comentou o jogador. Mas como o adversário é desconhecido para praticamente todo o elenco atleticano, o lateral destaca que o importante é ganhar e que é esperado um jogo bem difícil nos gramados do Mato Grosso do Sul. "Temos que tentar sair com o resultado positivo neste primeiro jogo. Se conseguirmos fazer dois gols de diferença é melhor ainda, mas o mais importante é a vitória, porque sabemos que será um jogo muito difícil", completou.

Para este jogo, o técnico Vadão terá o retorno do zagueiro Danilo, que não atuou pelo Campeonato Paranaense no último sábado por estar suspenso. A dúvida fica em quem sairá do time. A tendência mais lógica é que Rogério Corrêa, que o substituiu no último jogo, volte ao banco de reservas. Mas Vadão tem outras opções: tirar o volante Cristian, que vem sendo bastante criticado pela torcida, mudando o sistema de jogo do Furacão para o 3-5-2 (com Rogério Corrêa, Danilo e Marcão na zaga), ou mesmo sacar o lateral-esquerda Michel, que também não vem rendendo bem, e deslocar Marcão para a lateral esquerda, jogando Danilo e Rogério na zaga.

No lugar de Cristian, Vadão também poderá colocar o meia Evandro. Mesmo Vadão tendo dito que o volante teria o apoio total por parte dele e que no seu time Cristian é titular absoluto, o treinador poderá utilizar um esquema de jogo mais ofensivo contra o Coxim, já que uma vitória por dois gols de diferença em Campo Grande elimina o jogo de volta, na próxima semana, na Kyocera Arena.

Brasileiro – (21/02/07) – Coxim x Atlético
L: Morenão; H: 21h30; A: Jamil Rodrigues de Souza (MT); T: Banda B (AM 550).

COXIM: Cléber; Madruga, Zé Maria; Laudio e Odiley; Bruno Paraguaio (Décio), Mazen, André Ceará (Dudu) e Nildo; Eric e Oliveira.T: Amarildo Carvalho.

ATLÉTICO: Cléber; Jancarlos, Danilo, Marcão e Michel; Marcelo Silva, Alan Bahia, Cristian e Ferreira; Dênis Marques e Alex Mineiro. T: Oswaldo Alvarez.



Últimas Notícias

Opinião

PlaneJUMENTO

Antes de tudo, dar os devidos créditos ao @fabiangarrett93 que cunhou tal termo no Twitter sendo de uma felicidade incrível pois ilustra perfeitamente aquilo que…