15 abr 2007 - 19h03

Nei terminou a partida improvisado no gol

O lateral Nei está se acostumando a jogar improvisado no time do Atlético. Lateral-direita de ofício, o jogador já atuou em algumas partidas improvisado na lateral-esquerda, substituindo Michel. Neste domingo, na Vila Capanema, Nei começou o jogo em sua posição habitual, no lugar de Jancarlos, vetado pelo Departamento Médico. Mas ao final da partida, ele se viu diante de mais um improviso: ter que atuar no gol.

Isso porque aos 46 minutos o goleiro Cléber foi expulso pelo árbitro Evandro Rogério Roman. Como o técnico Oswaldo Alvarez já havia efetuado as três substituições no time, a solução foi improvisar na meta atleticana. E Nei foi o escolhido.

Quando saiu de campo, Cléber afirmou que Nei joga como goleiro nos rachões do time, durante os treinamentos no CT do Caju. E, apesar do improviso, o “goleiro Nei” não teve sequer muito trabalho nos minutos finais do clássico. Sua maior preocupação foi armar uma barreira na cobrança de falta paranista, que acabou acertando a barreira e a bola foi isolada por Alan Bahia.

Segundo o jogador, a experiência de atuar como goleiro não é inédita em sua carreira. "Com certeza é sempre importante treinar e melhorar. Graças a Deus tive experiência assim em outras oportunidades e fui bem. Joguei na Ponte Preta duas vezes no profissional e se for preciso jogo de novo", disse.



Últimas Notícias

Brasileiro

Desastre aéreo no Maracanã

O Athletico foi massacrado pelo Flamengo, que impôs 5 a 0, ao natural, nesse domingo(14), diante de 62 mil pessoas, no Maracanã, pela 22ª rodada…

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…