19 maio 2007 - 22h16

Ceará aponta azar na equipe do Internacional

O lateral-direito Ceará deixou o gramado do Estádio Arena da Baixada, em Curitiba, bastante desapontado após a derrota de 2 a 1 do Internacional diante Atlético-PR. Segundo o jogador, faltou sorte ao time gaúcho.

O elenco comandado pelo treinador Alexandre Gallo havia realizado um bom primeiro tempo (que havia terminado com o escore de 1 a 1). Logo no começo da etapa final, porém, acabou ficando sem um de seus atletas – o volante Maycon acabou sendo expulso de campo pelo árbitro mineiro Cléver Assunção Gonçalves.

Mesmo assim, o Inter suportava com enorme eficiência a pressão dos donos da casa, principalmente em virtude da excelente atuação do jovem goleiro Renan. Mas aos 42min, em uma desatenção da zaga, Alex Mineiro confirmou a vitória dos paranaenses.

“Realmente, quando as coisas não estão dando certo, é bastante difícil. Acaba acontecendo justamente isso aí”, desabafou Ceará, ao deixar o gramado. “Estávamos bem na partida, mas foi só cometer um erro lá atrás que eles aproveitaram e marcaram o gol”, emendou o profissional.

“Agora não tem outro jeito. Temos que seguir nos dedicando ao máximo durante os treinamentos para buscar a recuperação o quanto antes na competição”, finalizou o lateral-direito.

O Inter, que vinha de precoces eliminações no Campeonato Gaúcho e na Copa Libertadores da América, ainda não somou nenhum ponto no Brasileirão 2007. Na rodada de estréia da competição, no último final de semana, a equipe colorada havia perdido de 3 a 2 para o Botafogo, em pleno Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.



Últimas Notícias

Brasileiro

Desastre aéreo no Maracanã

O Athletico foi massacrado pelo Flamengo, que impôs 5 a 0, ao natural, nesse domingo(14), diante de 62 mil pessoas, no Maracanã, pela 22ª rodada…