5 jun 2007 - 20h00

GE relata versões diferentes sobre negociação

Na reportagem sobre a permanência de Alex Mineiro no Atlético, a Gazeta Esportiva.Net revelou um conflito entre as informações prestadas pela diretoria do clube e pelo empresário do jogador. Em entrevista à GE, Mario Celso Petraglia afirmou que o Furacão não cobriu as ofertas que Palmeiras, Santos e Fluminense tinham feito ao jogador. "Foi uma decisão exclusiva dele, uma opção dele. Não conseguimos cobrir as propostas que o mercado fez, mas, mesmo com um certo prejuízo financeiro, ele permanecerá no clube", afirmou o dirigente.

De acordo com a GE, o procurador de Alex, Marcelo Robalinho, informou por meio de comunicado oficial que o Rubro-Negro cobriu as ofertas do Santos e do Palmeiras. Gilberto Cipullo, vice-presidente do Palmeiras, teria reagido da seguinte forma quando informado pela reportagem do site Gazeta Esportiva que o Furacão não teria aumentado o salário do atleta: "Isso não é bem a verdade, mas não importa. Já sabia que essa era uma possibilidade. O Atlético cobriu a proposta e agora vamos atrás de outro nome".

Clique aqui para conferir a íntegra da reportagem.



Últimas Notícias

Opinião|Sul-Americana

Libera a torcida!

Uma noite histórica em um jogo com um cardápio recheado de garra, luta, determinação, superação, entrega, guerra, -TIME DE GUERRA – sim não faltam adjetivos…