11 jun 2007 - 7h41

Manchetes atleticanas desta segunda-feira

E agora, Vadão?
Foi constrangedor. A pior derrota não apenas do ano, mas dos dez meses de Oswaldo Alvarez à frente do Atlético. O Rubro-Negro acabou humilhado em casa com os 3 a 0 do Goiás, um adversário até ontem em crise após o pior início de Brasileiro desde o retorno à elite, em 2000.

 

Atlético toma de três do Goiás em plena Arena
O reencontro do time com a torcida na Arena da Baixada não poderia ter sido pior. Irreconhecível em campo, o Atlético foi vergonhosamente derrotado por 3 a 0, placar que não refletiu a superioridade da equipe goiana que, inclusive, foi aplaudida pelo revoltado torcedor rubro-negro.

 

Atlético volta a perder na Arena da Baixada
O caldeirão atleticano não assusta mais os adversários. Isso ficou evidente na partida de ontem, que acabou com a derrota do Atlético por 3 a 0 para o Goiás. Nestas cinco primeiras rodadas do Brasileirão 2007, os comandados de Vadão jogaram três vezes na Baixada e já somam duas derrotas.

 

Goiás goleia o Atlético-PR e Vadão balança
Só um bom analgésico para curar a dor de cabeça de Oswaldo Alvarez. Neste sábado, além de ver seu Atlético-PR ser derrotado por 3 a 0 em casa, ele teve de ouvir a torcida do Furacão pedir sua cabeça. Na próxima rodada – com ou sem Vadão no comando – o Atlético enfrentará o Fluminense, campeão da Copa do Brasil. Já o Goiás jogará contra o Palmeiras.

 

Goiás arrasa o Furacão na Arena
Sem dar chances para o Atlético, o Goiás acabou com a festa atleticana para comemorar a permanência de Alex Mineiro. Bem postado na defesa e contando com a velocidade dos contra-ataques, a equipe esmeraldina dominou todo o jogo e o placar de 3 a 0 foi até tímido.

 


Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vale vaga na final

Depois do empate em dois gols entre Athletico e Flamengo pela partida de ida das semifinais da Copa do Brasil 2021, as equipes tiveram resultados…

Brasileiro

Cuidado!

  Foco na competição: No Brasileirão o Athletico ainda tem 11 jogos para disputar, o equivalente 33 pontos. Seis jogos em casa, cinco jogos fora.…