26 jun 2007 - 23h25

Atlético perde para o Joinville em Santa Catarina

Em noite de festa em Santa Catarina, o Atlético Paranaense foi superado pelo Joinville, na partida que marcou a reinauguração da Arena Joinvile. O time da casa venceu o Furacão por 4 a 3 e, além de toda a festa da ampliação do estádio de 15 mil para 22,4 mil torcedores, serviu para o técnico Antonio Lopes observar alguns atletas rubro-negros, que não vinham atuando com freqüência ou que precisam de mais ritmo de jogo. Dinei fez os três gols do Rubro-Negro, enquanto Douglas, Mario Cesar, Glauber e Marlon marcaram para Joinville.

O Atlético começou melhor e logo aos quatro minutos abriu o placar. Evandro cobrou falta da esquerda e Dinei cabeceou para as redes – 1 a 0. O jogo tinha forte pegada das duas equipes e o Furacão só chegou com perigo aos 31 minutos. Depois de cobrança de falta de Evandro, Chico desviou de cabeça, o goleiro espalmou e Pedro Oldoni aproveitou o rebote para marcar, mas o árbitro marcou impedimento.

Três minutos depois, Pedro Oldoni fez jogada individual na entrada da área e chutou forte para boa defesa do goleiro do Joinville. O Rubro-Negro era melhor e chegou ao segundo gol aos 41 minutos. Willian lançou Dinei, que dominou, invadiu a área e tocou na saída do goleiro- 2 a 0.

No segundo tempo, o Joinville partiu para cima e diminuiu logo aos oito minutos. Guilherme cobrou falta da direita e Douglas fez de cabeça – 2 a 1. O gol deu ânimo ao time da casa que chegou ao empate aos 13 minutos. André Rocha derrubou Junior Negão na área. Pênalti que Mario César cobrou e empatou o jogo – 2 a 2. Depois de sofrer o empate, o Atlético voltou a dominar as ações e chegou ao terceiro gol. Aos 26 minutos, Murilo cobrou escanteio e Dinei subiu de cabeça para fazer o terceiro dele e do Furacão.

No entanto, aos 32, o Joinville empatou. Após bate rebote na área, Vinicius espalmou, Alex salvou em cima da linha, mas a bola acabou sobrando para Glauber que chutou e fez para empatar – 3 a 3. Aos 35 o Rubro-Negro ainda teve boa chance. Edivaldo chutou de fora da área, mas o zagueiro afastou. E quando todos achavam que a partida terminaria empatada, Marlon recebeu, invadiu a área e tocou na saída de Vinicius para fazer o gol da virada e da vitória do Joinville.

O Atlético jogou com: Viáfara (Vinicius); Rhodolfo (Léo), Rogério Corrêa e Rafael Santos (Lucas Piasentin); Alex, André Rocha, Evandro (Murilo), Válber (Leandro Bravin) e Stanley (Willian); Pedro Oldoni (Edivaldo) e Dinei. Técnico: Junior Lopes.



Últimas Notícias