O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
30 jul 2007 - 21h03

Parabéns Mario Celso Petraglia

Qual a diferença entre um grande homem, e um homem comum? Com toda a certeza o seu legado. O legado de Mário Celso Petráglia é incontestável. Nem preciso enumerar. Ao fazer viagens à qualquer lugar do mundo, as pessoas costumam querer conhecer legados, seja de um homem, ou seja de um povo, mas sempre de algo que remete ao brilhantismo, a uma conquista, ou seja: algo especial.

É assim com a Golden Gate, é assim com o Coliseu, é assim com o Hearst Castle, com a Torre Eifle, é assim com a Arena. Quem vem à Curitiba fica maravilhado com ela. Isso que nem está pronta, imagine-se ao final.

Aos insatisfeitos, comparem o Atlético com os nossos “rivais”. O que tem o Paraná Clube??? O Coritiba – que tem mais títulos paranaenses??? Atlético e Coritiba saíram do mesmo beco em 95. Vejam a situação dos dois…parece piada.

O mal momento do Atlético hoje é culpa da diretoria? Talvez. Mas jamais se pode dizer que ela é inoperante: manteve o Alex, vendeu o Denis – que tantos odiavam, contratou o Ramon – que ao meu ver é craque, inclusive com passagens pela seleção brasileira, e o técnico. Antonio Lopes não é “perdedor” como Vadão (sic) – perdedor que nos levou à primeira libertadores, como Mário Sérgio – responsável pela estrturação dos times de 2001 e 2004. Antonio Lopes é nome de peso no cenário futbolístico. Nem precisaria falar que ele já integrou a comissão técnica da CBF, já foi Campeão Brasileiro mais de uma vez, e também foi Campeão da Libertadores pelo Vasco. Então o que acontece?

Pra mim é essa mentalidade pequena de boa parte da torcida, que é intolerante, é a dona da verdade, e TORCE CONTRA, porque vaia o time, porque celebra outros times, e só reclama. Quando a Fanáticos puxa o grito, eles não apoiam, mas quando algum jogador erra, mesmo que seja o Ilan (autor de gol na final de 2001, Kleber (segundo maior artilheiro do Atlético), Denis (algóz paranista e verde), eles VAIAM E CHINGAM.

VAIA PRA VOCÊS E APLAUSOS PRA QUEM TENTA FAZER ALGO E JÁ FEZ. OBRIGADO PETRAGLIA. VOCE CONSTRUIU UM LEGADO.



Últimas Notícias

Opinião

O Furacão voltou

Não podia ser num jogo qualquer… Nosso retorno para casa tinha que ser numa semi-final de Copa do Brasil, contra o badalado e protegido Flamengo,…

Sul-Americana

Confira como ir ao Uruguai

Logo após a classificação diante do Peñarol pelas semifinais da Sul-americana 2021, a enorme procura dos torcedores pelas passagens aéreas de Curitiba a Montevidéu acabou…