8 set 2007 - 8h36

Manchetes atleticanas deste sábado

Aposta em time-base vira arma do Atlético
A ascensão técnica do Atlético nas últimas partidas – especialmente, contra Atlético-MG e Goiás – tem origem em um privilégio raramente concedido aos técnicos no futebol brasileiro: a possibilidade de repetir a escalação da equipe. Amanhã, contra o Fluminense, Ney Franco tem mais uma vez todos seus jogadores à disposição. E só não repetirá o time se não quiser.

 

Atlético na expectativa de quebrar marcas com Ney Franco
Em menos de um mês no comando do Atlético, Ney Franco está perto de alcançar feitos inéditos neste Brasileirão. Em cinco jogos, o técnico terá o privilégio de escalar a mesma equipe pela terceira vez consecutiva, fato que causaria inveja aos antecessores Oswaldo Alvarez e Antônio Lopes, que sofreram com problemas de contusão e suspensão de jogadores. E, dependendo do rendimento de seus comandados na partida de amanhã, diante do Fluminense, Franco poderá sair do Maracanã com a terceira vitória consecutiva – o que não acontece com o Furacão desde a campanha do ano passado. Na reta final do Brasileirão 2006, o Rubro-Negro venceu as equipes do Fortaleza, Paraná e Vasco.

 

Ney Franco mantém humildade no Atlético
Apesar das vitórias sobre o Atlético-MG e o Goiás, o sempre sereno técnico do Atlético-PR, Ney Franco, faz questão de passar para os seus jogadores que a equipe ainda não tem muitos motivos para comemorar. O Furacão é o 15º colocado, mas a apenas um ponto da temida zona de rebaixamento.

 


Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Obrigado, Alberto!

Alguns vão julgar, “Cedo demais”… Mas para mim, já Deu!!!! Alberto Valentim: O LATERAL DIREITO, jamais será esquecido e estará entre os maiores camisas 2…