27 mar 2008 - 23h40

Nei revela pacto dos jogadores para “jogar”

Para os que pouco conhecem a história do Atlético, parecia que o time tinha chegado ao fundo do poço. Eliminado na primeira fase da Copa do Brasil, dentro de casa, para o Corinthians-AL, e com duas derrotas consecutivas na largada da segunda fase do Campeonato Paranaense, muitos apostavam que o time não iria conseguir nenhum esboço de reação neste semestre. Mas apenas os que desconhecem a trajetória de superação que sempre acompanhou o Atlético é que apostavam nisso.

De acordo com o lateral-direita Nei, um dos melhores em campo na vitória por 1 a 0 sobre o Paraná Clube nesta quinta-feira, na Vila Capanema, os jogadores do Atlético fizeram um pacto para buscar a reação no Campeonato Paranaense. E o segredo parece óbvio para muitos torcedores: jogar futebol. “Quando a gente perdeu as duas partidas (para Engenheiro Beltrão e Paraná), dissemos: ‘só dependemos de nós, vamos nos unir e vamos jogar’. Está sendo assim e está dando resultado”, revelou o jogador.

Segundo Nei, o desafio agora é retomar o bom futebol que o Atlético desempenhou no início desta temporada, trabalhar em busca do título Paranaense, para somar ainda mais forças visando o Campeonato Brasileiro. “O Atlético passou por uma fase excelente no início do ano. Depois, o time caiu de produção, teve uma fase ruim. Agora estamos reanimando as forças, com muita união, prevalecendo a raça e a união dentro de campo. O importante são os três pontos”, disse. “Vamos esquecer a fase ruim, vamos agora retomar outra fase boa, buscar ser campeão para começar bem no Campeonato Brasileiro”, completou.



Últimas Notícias