O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
3 abr 2008 - 19h12

Lucro

Pensei que algum ilustrado colaborador do site repercutisse a coluna do Tostão – Gazeta do Povo de 02/04/08, com ilustrativa opinião sobre craques que nunca foram.

Como ninguém se manifestou, tomo a liberdade de reproduzir parte da coluna citada : ‘Penso que a imprensa deveria parar de dizer que Carlos Alberto e Dagoberto são craques que passam por má fase. Os dois nunca foram craques e jogam mais ou menos como têm jogado, com exceção de alguns brilharecos. Carlos Alberto não tem….. Já Dagoberto não tem características para jogar recuado, como fez em algumas partidas. Ele corre demais, cai muito e realiza pouco.Dagoberto me faz lembrar de Filpo Nunes que dirigiu o Palmeiras nos anos 60. Após uma partida, Filpo reuniu o elenco e perguntou a um jogador que atuava no meio pra frente e tinha sido eleito o melhor do jogo: Quantos gols você fez? o jogador respondeu : ‘Nenhum’. Quantos passes deu que resultou em gols ou deixaram os companheiros na cara do gol? ‘Nenhum’. Filpo concluiu: ‘Então você correu muito e não jogou nada’.

Acho que o texto é auto explicativo e bem demonstra que os 5 milhões que os bambis pagaram pelo mala foram mais que suficientes pela ‘caquinha’ estragada pelos irmãos ‘malacos’.

Impressiona saber como maus conselhos combinados com a falta de caráter possam detonar com uma carreira que se mostrava de futuro e virou pó e purpurina tricolor.

É bom que os talentos locais prestem bem atenção neste caso, para não incorrerem nos mesmos erros.



Últimas Notícias

Brasileirão A1

Pra espantar a zica

Pela oitava rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 3 x 1 Criciúma. Precisando se recuperar das últimas péssimas atuações, o Athletico foi a campo pressionado.…

Opinião

O paradoxo de Cuca

Há motivos para se gostar de Cuca, não necessariamente pelo o que tem feito aqui, mas pelo seu histórico vencedor, estando claramente na prateleira de…

Brasileirão A1

Mais do mesmo…

Pela sétima rodada do Brasileirão, no Presidente Vargas, Fortaleza 1 x 0 Athletico. Se a dificuldade técnica do time do Athletico já era esperada para…