O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
9 abr 2008 - 23h05

Inteligência

Fui ao jogo contra o Irati no domingo e aproveitei para (mesmo atrasado) me associar. Como moro em Ponta Grossa poderia até adquirir o pacote ‘Sócio do Interior’, mas preferí ajudar um pouco mais o clube e com isso adquiri o pacote normal. Nada mais do que minha obrigação como torcedor.

Ao que parece, caso o Atlético Paranaense avance para as finais do Campeonato passaremos fácil dos 10.000 sócios antes mesmo de começar o Campeonato Brasileiro visto que no sábado a marca dos 9.000 sócios já tinha sido alcançada.

Isso realmente é muito bom pois demonstra que, mesmo o clube não tendo correspondido como deveria, a torcida está entendendo o recado de que, sem ajuda, não se consegue muita coisa.

Acredito sim que passaremos dos 20.000 sócios até o final do ano e, com isso poderemos cobrar muito mais no ano que vem.

Esse é o primeiro tipo de inteligência que cito. A inteligência da torcida.

O segundo tipo de inteligência foi claramente dado pelo time no jogo contra o Irati. Essa inteligência pode ajudar e muito na conquista do Campeonato. Explico:

Ouvi muitos amigos torcedores dizendo que o time é tão fraco que sequer conseguiu vencer o já desclassificado Irati dentro da Arena. Engano. Essa partida foi planejada para ser assim. Sabiamente, deixamos de ganhar um jogo para ganhar o Campeonato. Que é o que interessa.

Não se trata de fugir do Coritiba ou do Paraná Clube em uma semifinal. Trata-se de conquistar o objetivo que nos restou nesse semestre: o de ser Campeão Paranaense. Sem fazer esforço algum, vamos eliminar um concorrente.

Todos sabem que em clássico nem sempre o melhor vence. Que os times acabam se igualando na vontade e na raça. Então, para quê correr esse risco?

Nós entramos na rodada podendo escolher o adversário diferentemente de nossos rivais que precisavam vencer seus jogos para não ficarem de fora. Eles sim não tinham escolha. E agora leio por aí que ficamos com medo de encarar esse ou aquele. Só pode ser piada.

Como disse, essa inteligência frente ao Irati pode nos levar ao título, porém, será muito difícil explicar um revés.



Últimas Notícias

Brasileirão A1

Pra espantar a zica

Pela oitava rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 3 x 1 Criciúma. Precisando se recuperar das últimas péssimas atuações, o Athletico foi a campo pressionado.…

Opinião

O paradoxo de Cuca

Há motivos para se gostar de Cuca, não necessariamente pelo o que tem feito aqui, mas pelo seu histórico vencedor, estando claramente na prateleira de…

Brasileirão A1

Mais do mesmo…

Pela sétima rodada do Brasileirão, no Presidente Vargas, Fortaleza 1 x 0 Athletico. Se a dificuldade técnica do time do Athletico já era esperada para…