O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
19 maio 2008 - 10h41

Diversas, pra pensar

Os sócios têm sete meses para pensar e planejar soluções melhores ao clube.

Está claro e notório que não existe entre a torcida e atuais conselheiros quem tenha coragem de engenhar em obra inacabada, até porque é uma situação muito cômoda e conveniente reclamar que não está bom, mas não se prontificar a fazer melhor.

Entre erros e acertos dessa diretoria, um erro é evidente, antigo e todos nós temos feitos olhos pacientes para tal: não temos um departamento de futebol profissional. E não o tivemos em momento algum, desde 2002. E quando me refiro a departamento de futebol, não foram os senhores pau-mandados que passaram pelo nosso clube nas temporadas passadas.

Me refiro a alguém (que não é o presidente do clube) que contrate jogadores pra resolverem agora, não pra estourar e serem vendidos daqui uma / duas temporadas. Alguém que faça o meio de campo entre elenco e diretoria. Que deixe o técnico trabalhar somente com o que ele precisa. Que dispense quem anda apenas “ocupando quarto” no CT e não é peça útil para o elenco. Alguém que se comunique com a torcida, nem que seja pra dizer “não temos dinheiro, é com isso mesmo que vamos, infelizmente passaremos raiva juntos”. Que tenha autonomia de verdade dentro do clube. Fica ai mais uma sugestão de reflexão.

Quanto ao time, outra pequena reflexão. À exceção de quatro jogadores (Adriano, Valdivia, M. Moreno e T. Neves), todos os atuais destaques nacionais têm mais de ou estão com 30 anos. Os nossos melhores jogadores no elenco, estão próximos de ou tinham 30 anos. Falta experiência ao nosso elenco. Falta atitude dentro de campo, a começar por um líder nas quatro linhas, terminando num técnico que deixe de pensar em não perder primeiro, pra começar a pensar em vencer. Ele fez isso ano passado e na final do paranaense, nós vimos um resultado melhor.

O melhor CT das Américas, além de não conseguir revelar laterais, tem deixado a dever na parte física. O time fica morto no 2º tempo. O Netinho some, faz um esforço monstruoso pra passar do meio de campo. O Valencia invariavelmente se machuca.

No mais, o jogo de ontem não foi nada diferente do futebol água com açúcar que temos apresentado durante a temporada inteira, e apresentaremos até o final dela, correndo o risco de passar vexame ainda maior no novo formato da sulamericana. Nossa parte (quase 10 mil sócios e 15 mil cadeiras) estamos fazendo. Pra quem duvida da nossa torcida, seria bom começar a se preocupar com ela não duvidar do que está sendo feito na gestão do clube…



Últimas Notícias

Brasileirão A1

Até empatar!

Pela nona rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 1 x 1 Anderson Daronco. Como já esperado, o jogo seria bastante brigado e equilibrado. O desequilíbrio…

Brasileirão A1

Pra espantar a zica

Pela oitava rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 3 x 1 Criciúma. Precisando se recuperar das últimas péssimas atuações, o Athletico foi a campo pressionado.…

Opinião

O paradoxo de Cuca

Há motivos para se gostar de Cuca, não necessariamente pelo o que tem feito aqui, mas pelo seu histórico vencedor, estando claramente na prateleira de…