27 jul 2008 - 18h43

Decepcionante, mais uma vez

Para quem esperava ver um time vibrante e com força ofensiva, mais uma vez se decepcionou. Em um jogo marcado pelos excessivos erros de passe e pela inoperância do ataque, o Atlético apenas empatou por 0 a 0 com o Figueirense, na Arena da Baixada.

O Jogo

Se a falta de gols já era um problema do Atlético, a ausência de Joãozinho preocupou ainda mais a torcida Rubro-negra. E com razão, apesar de ter mais posse de bola durante todo o primeiro tempo, o Furacão criou poucas chances de gols. A melhor jogada atleticana veio dos pés do zagueiro Rhodolfo aos 21 minutos. Ele fez bela jogada pela direita driblando três defensores do Figueirense e chutou cruzado para a boa defesa do goleiro Wilson. Mas por pouco o Figueira não saiu na frente, após escanteio cobrado na área, Leandro Carvalho bateu de primeira e Galatto fez ótima defesa. Ainda na primeira etapa, Valência deixou o campo machucado para a entrada de Gabriel Pimba.

Segundo tempo

Se a torcida esperava que o time voltasse melhor depois da conversa com Roberto Fernandes, o camisa 11 do Figueirense, Marquinho, quase abriu o placar com menos de um minuto de jogo. Sem conseguir criar grandes chances de ataque, o Atlético ainda levava mais sustos dos catarinenses. Aos sete minutos, Rafael Coelho chuta para ótima defesa de Galatto, a bola ainda bateu na trave antes da defesa final do goleiro atleticano.

As melhores chances Rubro-negras saíram dos pés do atacante Anderson Aquino, que aos 18 minutos desperdiçou grande oportunidade de gol ao chutar pela linha de fundo após um contra-ataque. Três minutos depois, Roberto Fernandes promoveu duas alterações na equipe, colocando Douglas Maia e Wallyson no lugar de Pedro Oldoni e do apagado Julio dos Santos. Mas o que deveria ajudar atrapalhou ainda mais o Atlético, que não conseguia se encontrar em campo. Pouco antes do final do jogo, Anderson Aquino ainda perdeu mais uma das poucas chances de gols que o time teve. Mas não teve jeito, aos gritos de "time sem vergonha", o Atlético mais uma vez decepcionou o seu torcedor e apenas empatou com o Figueirense.

Na próxima rodada, o Rubro-negro vai em busca de reabilitação diante de uma das surpresas da competição, o Vitória, no Barradão.

%ficha=649%



Últimas Notícias

Hugo Moura comemora golaço marcado na Arena

Brasileiro

Volte sempre, meu vice.

Na Arena da Baixada, Athletico 4 x 2 RB Bragantino. O Athletico entrou em campo com um time bastante modificado, poupando jogadores para o confronto…