1 fev 2009 - 15h48

Teixeira: “FIFA leva uma visão ótima daqui"

O presidente da CBF, Ricardo Teixeira, se mostrou bastante satisfeito com o projeto de Curitiba para receber os jogos da Copa do Mundo de 2014. Ele participou da visita de inspeção pela cidade, realizada na manhã deste domingo pelo comitê da FIFA (formado por Thierry Weil, diretor de marketing, e os gerentes Dick Wiles e Fúlvio Danilas), além da comitiva da CBF para a Copa no Brasil, composta pelo presidente Ricardo Teixeira, a secretária-administrativa, Joana Havelange, o assessor de imprensa, Rodrigo Paiva, o secretário de Relações Institucionais, Mário Rosa, e o engenheiro Carlos de La Corte, consultor de estádios.

Pelo protocolo da própria FIFA, os membros do comitê da entidade não podem se manifestar sobre as considerações apontadas em cada uma das cidades visitadas. No entanto, o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, afirmou que os delegados ficaram impressionados com o que viram na capital paranaense. “O que ficou claro para mim, nas conversas com o vice-governador Orlando Pessuti e o prefeito Beto Richa é a vontade do Estado e de Curitiba em receber os jogos da copa. Tenho certeza absoluta que a comissão sairá daqui com uma ótima impressão da cidade”, disse.

Teixeira ressaltou a boa infraestrutura na rede de transporte e hotéis de Curitiba, que são pontos favoráveis a uma possível indicação da cidade a sede dos jogos. Segundo ele, os delegados da FIFA deixaram claro que pesará na decisão final da FIFA as condições que as cidades têm em receber a estrutura de jogos. “Eu tenho absoluta certeza que eles tiveram uma excelente impressão do que viram e logicamente isso vai corroborar no relatório que vai ser entregue até o final do mês de março para que as comissões da FIFA analisem os pontos e o comitê executivo, no final de março, escolha as doze cidades”, afirmou Ricardo Teixeira.

Otimismo paranaense

Após a visita do Comitê da FIFA, o otimismo era uma marca registrada entre todos os envolvidos diretamente na candidatura curitibana a sub-sede dos jogos. "Curitiba tem uma das melhores infraestruturas do país e atende a todas as exigências do caderno de encargos da Fifa. Estamos ansiosos por alcançar mais esta conquista, que é de todo o Paraná", disse o prefeito Beto Richa. Na mesma linha, o vice-governador e coordenador do Comitê do Paraná para a Copa do Mundo de 2014, Orlando Pessuti, afirmou que “o Paraná e Curitiba estão preparados e estruturados para ser a melhor de todas as sedes da Copa 2014".

Inspeção em Curitiba

Os trabalhos de inspeção a Curitiba pela comitiva da FIFA iniciaram no fim da tarde de sábado, quando os delegados conheceram a estrutura do aeroporto Afonso Pena. À noite, eles participaram de um jantar na cidade. “A minha impressão é a melhor de todas. Tivemos uma boa reunião já na chegada, com o pessoal do aeroporto, depois um jantar de três horas para discutir com o CBF e a FIFA a realização da Copa em Curitiba. Eu, pessoalmente, estou muito satisfeito com as informações que recebemos acerca do sobrevoo e até o tempo ajudou. Temos grandes expectativas com a vinda da Copa FIFA 2014”, revelou Pessuti.

Na manhã deste domingo, a delegação fez um sobrevoo de helicóptero pela cidade, para conhecer a infraesturura oferecida por Curitiba. O voo saiu do Estação Convention e seguiu sobre as avenidas Sete de Setembro e República Argentina até o terminal do Portão, por onde passará a primeira linha do metrô de Curitiba. Depois, eles seguiram até a Linha Verde e a Cidade Industrial, onde será a estação inicial do metrô. Conheceram também áreas que receberão outros projetos de infraestrutura, como o Eixo de Integração e a revitalização do rio Barigui. Aproveitando a bela manhã de sol, a comitiva pôde conhecer também os parques Barigui, Tingui, Tanguá, Ópera de Arame e o Jardim Botânico, cartões-postais da cidade.

Confira o roteiro completo do voo de helicóptero feito pelos agentes da FIFA:

– Estação Convention Center – saída
– Avenida Sete de Setembro – eixo de transporte
– Arena da Baixada – boa localização com hospitais próximos
– Avenida República Argentina – eixo de transporte
– Linha Verde – avenida de transporte e integração
– CT do Caju – centro de treinamento
– Cidade Industrial – indústrias, parques e projetos habitacionais
– Parque de Software – área do Tecnoparque
– Parque Barigui – ponto turístico
– Parques Tingui e Tanguá – pontos turísticos
– Ópera de Arame e Pedreira – pontos turísticos
– Centro Cívico – sede de governos e ponto de metrô
– Estádio Couto Pereira – centro de treinamento
– Jardim Botânico – ponto turístico
– Tecnoparque – centro de transmissão da Copa
– Arena da Baixada – estádio para a Copa

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Curitiba e do Governo do Paraná



Últimas Notícias

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…