12 mar 2009 - 0h15

Gol mal anulado decretou derrota atleticana

A história da derrota atleticana por 2 a 1 para o Cianorte, a primeira do time na temporada 2009, teve a colaboração da arbitragem. Aos 22 minutos do segundo tempo, Netinho cobrou uma falta da intermediária e o zagueiro atleticano Antonio Carlos, com um leve desvio de cabeça, marcou o que deveria ser o segundo gol do Furacão no jogo. Naquele momento, a partida estava empatada em 1 a 1 e o gol decretaria a virada do Atlético. Porém, o assistente Marcos Rogério da Silva assinalou impedimento do jogador Rubro-Negro e o árbitro da partida, Edivaldo Elias da Silva, anulou o gol legítimo do zagueiro atleticano.

O Atlético tentou, desordenadamente, marcar o segundo gol para virar a partida e assegurar o primeiro lugar da primeira fase com duas rodadas de antecedência, porém foi o Cianorte que chegou ao segundo gol, em uma cobrança de falta de Élton, aos 33 minutos da etapa final.



Últimas Notícias