O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
3 abr 2009 - 7h28

“Pera aí”

Ganhamos, jogamos pro gasto. Mas muita calma: o Paranavaí não deu UM susto e nós não tivemos AQUELA vontade de fazer gols; simplesmente estávamos contentes com o 2 a 0. Isso não pode existir, ainda mais na fase final de um campeonato.

Sobre o time: Wesley entrou bem, mas “pera aí”: muita calma, ele não é nada de mais, um jovem bem normalzinho pra falar a verdade . Como a maioria dos jovens atacantes, faz lá sua graça (e viva o Galvão). O Wallyson está no Atletico a 1 ano, sabe pedalar tanto quanto Wesley e joga mais que ele, na minha opinião. Agora pergunto: por que um jovem recém chegado joga 15 minutos, prende um pouco a bola e no jogo seguinte vira titular e sai aplaudido de campo (nota 6 na minha opinião), enquanto o outro está aqui a um ano e nunca foi aproveitado (hoje nem pro banco)? Isso é muito estranho e injusto também. Podem falar que é questão de aproveitar as chances, pra mim a questão é outra . A$$unto en$$errado (com dois $$ mesmo). Ajudando o Furacão, desejo sorte aos dois, que joque o melhor.

Graças a Deus Julio dos Santos entrou e entrou bem. Não acho que ele seja sozinho a cura dos nossos males, mas ele faz parte do remédio. Além disso, gosto de futebol bonito, inteligente, e com ele temos muito mais disso. Passes de primeira, 3 dedos, conclusão consciente, com categoria, toque de calcanhar, visão de jogo… quem foi hoje sabe do que eu estou falando. Ele chegou a tentar um gol de cobertura com a perna esquerda (que não é a boa). Eu sei que ele não é o Zico, nem mesmo o Jadson (saudade)… Ele é o Zidane da Baixada. Brincadera. Mas é um cara que eu gosto de ver jogar porque ele sabe. Defeito: muito lento. Se ele é lento, tem que ter alguém que seja rápido, que faça a ultrapassagem, confie que o passe saia redondo.
Essa velocidade fica por conta de Wesley, Wallyson e dos alas…

Rafael Moura tem que aprender que em contra-ataques ele não tem que abrir pra receber a bola e sim fechar, se colocar em posição de receber um bola daquelas que sai cara a cara com o goleiro. Abrindo e recebendo a bola na lateral ele mata o contra-ataque e ainda se queima com a torcida, como aconteceu hoje no segundo tempo.

Mas o importante é que vencemos e estamos na briga! Domingo tem mais uma e vamos ver se melhora!



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

O que já sabíamos!

“Já se sabe que foi um erro o que aconteceu, os amistosos não terem acontecido, e não ter disputado o Estadual porque a preparação ficou…