5 abr 2009 - 21h24

Com três gols, Rafael Moura se isola na artilharia

A noite deste domingo foi especial e antológica para o atacante Rafael Moura. Autor dos três gols que garantiram a vitória do Atlético por 3 a 1 sobre o Iraty e, de quebra, a liderança na fase decisiva do Estadual, o atacante também se isolou na artilharia da competição, com 10 gols, superando Wellington Silva, do Paraná Clube, que já marcou 8 gols no campeonato.

O primeiro gol dele na noite saiu aos 22 minutos, num lance de raça e oportunismo. Ele ganhou a jogada, dentro da área, de três defensores do Iraty e marcou um belo gol. Aos 29 minutos, após um lançamento da defesa do Furacão, ele chutou com categoria e ampliou o marcador. E no segundo tempo, aos 15 minutos, concluiu com oportunismo o belo cruzamento de Marcinho, fechando o placar na Arena da Baixada.

Feliz com a artilharia e o topo na classificação, Rafael Moura disse que o que mais lhe satisfaz é saber que o Atlético venceu e convenceu, o que credencia o time à conquista do título do Estadual. “Estou feliz, mas o grupo mostrou porque tem o melhor ataque, a melhor defesa. Hoje fomos colocados em cheque e mostramos nosso potencial. Uma partida boa, que convenceu e nos dá confiança para brigar pelo título. Como atacante vou brigar sempre pela artilharia, mas o título é mais importante e está acima de tudo”, disse.



Últimas Notícias

Notícias

O Fanático paraguaio

Em 2010 o Athletico contratava um meia atacante paraguaio com pouca rodagem dentro de seu país e um currículo um pouco estranho. Iván González se…

Opinião

Um basta ao racismo

A Furacao.com, em nome de todos os seus colaboradores, vem a público manifestar o seu repúdio aos atos racistas cometidos por alguns torcedores na Arena…