O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
30 abr 2009 - 7h50

E agora, cornetada?

Durante essa semana, muito se falou sobre elenco, deficiências e tal. Muitos esquentadinhos, que andam de mal com a vida e só vão ao estádio ‘enxer o saco’, criticaram alguns atletas, mas hoje (quarta-feira) acabaram queimando a língua que tanto usam pra criticar (deveriam queimar os dedos também pra ver se param de escrever tantas besteiras).

Não sou contra as críticas, mas que sejam feitas a quem as merece. Há algum tempo esses corneteiros chatos vem prejudicando o nosso Furacão. Quem não se lembra que no ano passado crucificaram o Alan Bahia e hoje choram sua falta? Praticamente fizeram com que o Ferreira fosse embora do Atlético, mas hoje dizem ‘esse sim era craque’.

Agora eu pergunto a eles (pois muitos são frequentadores e colaboradores desse espaço): quem serão os próximos? Marcinho? Rafael Moura? Galatto? Ou quem sabe, Geninho (cansaram de criticar as ‘invenções’ de baixo custo, mas hoje enxem o saco por causa do salário do atual treinador). Tem alguns que chegam ao cúmulo da ira e da ‘brabeza’, que criticam até a Torcida Organizada por ela não ser ‘revoltadinha’ como vocês cornetas.

Vocês não passam de meros COMENTARISTAS DE RESULTADO.

Me digam agora então: quantos centroavantes por esse Brasilzão são tão melhores que o guerreiro Rafael? Eu cito uns 5 aqui talvez: Alex Mineiro, Kléber Pereira, Washington, Ronaldo e Nilmar. E mais quem? O ‘matador’ Josiel? O participativo e nunca pipoqueiro Keirrison? Ou quem sabe o Neto Baiano, artilheiro do Vitória, e que fez extremo sucesso por aqui. Qual camisa dez joga mais que Marcinho a ponto de vocês o quererem fora daqui? Ah, me poupem seus chatos, levem seu mau-humor e seus respectivos problemas pra longe da Baixada.

Criticar, sim, jogadores como Rhodolfo, Júlio César e mais alguns, que realmente não deveriam mais estar aqui. Mas daí a ter meros ‘ataques de bolinha’ por causa de uma derrota num clássico ou em qualquer situação que seja, tem uma enorme diferença.

É, meus amigos da TOF, infelizmente não sou associado a vocês, mas hoje mais uma vez provamos que, com o Caldeirão lotado, passamos por cima das vozes irritantes destes ‘sabe-tudo’ do futebol (tanto corneteiros quanto alguns comentaristas de TV e rádio) e também podemos passar por cima (com alguns reforços, é claro) de qualquer adversário que vier.

Pra encerrar, tenho certeza que o problema de muitos desses xaropes é a memória curta, tão curta que aposto que virão aqui escrever coisas como ‘meu Deus, que raça do He-Man hoje, hein’, ou ‘como joga esse Marcinho’, só esperem e leiam.



Últimas Notícias