27 jul 2009 - 21h16

Atlético entra com recurso contra decisão do STJD

O departamento Jurídico do Atlético ingressou com um recurso no Pleno Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) contra a decisão do julgamento da Quarta Comissão Disciplinar do STJD, que prevê a perda de um mando de campo e mais multa de R$ 20 mil ao Furacão devido aos incidentes ocorridos entre as torcidas no clássico Atletiba do último dia 19 de julho.

O advogado do Atlético, Domingos Moro, confirmou nesta segunda-feira que entrou com um recurso contra a perda do mando de campo. Ele espera que efeito suspensivo saia já nesta terça-feira. Se isso ocorrer, o Furacão terá condições de enfrentar o Fluminense no próximo domingo, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena da Baixada.

Segundo Moro, o risco da punição aumentar no Pleno do STJD (devido ao novo julgamento) só existe se a procuradoria recorrer também. No entanto, o advogado informou que não acredita que a procuradoria irá recorrer, porque os clubes (Atlético e Coritiba, condenados no último julgamento) são primários quanto a esse tipo de punição nesta edição do Campeonato Brasileiro.

Atlético e Coritiba foram condenados pelo STJD com base no artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que delibera sobre “deixar de tomar providências capazes de prevenir ou reprimir desordens em sua praça de desportos”. O mesmo artigo diz que caso a infração seja cometida pela torcida adversária, o clube visitante sofrerá as mesmas punições. No julgamento, Atlético e Coritiba foram condenados a perda de um mando de jogo e ao pagamento de multa de 20 e 10 mil reais, respectivamente.



Últimas Notícias