7 out 2010 - 14h41

Rhodolfo: “Vamos trabalhar até o fim”

Um dos principais destaques da equipe atual do Atlético, o zagueiro Rhodolfo comentou sobre o empate com o Vasco, em 0 a 0, na Arena da Baixada, resultado ruim que prejudicou os planos do time em encostar no G-3. Para o defensor atleticano, o grupo precisa manter o foco em busca da vaga à Libertadores da América.

“Infelizmente não conseguimos o resultado positivo, mas não foi ruim para a nossa colocação. Com a vitória a equipe podia subir mais na tabela, mas não podemos chorar pelo leite derramado, a equipe correu muito, criamos bastante no segundo tempo, mas não conseguimos os três pontos. Ficamos mais distantes na classificação, mas nada é impossível. Vamos trabalhar até o fim. Jogador não pode desistir nunca, temos 10 rodadas pela frente e tudo pode acontecer”, comentou.

O zagueiro também mostrou-se bastante motivado com a chegada do novo técnico, Sérgio Soares, que foi bem recebido pelo grupo. “Tivemos pouco contato, estamos apenas no segundo dia, mas vamos conhecê-lo melhor durante a competição. Todo mundo gostou dele, o grupo o acolheu, parece que já o conhecíamos faz tempo”, apontou.

Por fim, Rhodolfo falou sobre a liderança que exerce em campo sobre os demais companheiros, junto com o capitão Paulo Baier. “Eu e o Paulo temos a característica de conversar bastante com o grupo. Às vezes temos que ter a iniciativa e mostrar vontade, é normal a equipe se desligar um pouco durante a partida. Quando eu roubava uma volta, tentava ir ao ataque, fiz isso umas duas vezes hoje (ontem), mas a bola não quis entrar de jeito nenhum. Mas é sinal de que a equipe está evoluindo”, resumiu.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…