7 out 2010 - 14h23

Santos tem 11 desfalques para enfrentar o Furacão

O próximo adversário do Furacão no Campeonato Brasileiro tem um time de desfalques. O Santos tem dez jogadores machucados e um suspenso para a partida de sábado, às 18h30, na Vila Belmiro.

O volante Roberto Brum recebeu o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o Fluminense, na quarta-feira, e não enfrenta o Rubro-Negro. Além dele, dez jogadores estão vetados pelo departamento médico e também desfalcam o Peixe. O atacante Marcel e o meia Marquinhos voltarão em aproximadamente duas semanas. Já o goleiro Felipe e os zagueiros Edu Dracena e Bruno Aguiar não têm previsão de retorno.

Outros jogadores no DM santista são o zagueiro Bruno Rodrigo, o volante Rodriguinho, o meia Madson e o atacante Keirrison. Por fim, o meia Paulo Henrique Ganso, que não joga desde a 16ª rodada, volta apenas em 2011.

Com relação ao time que fez 3 a 0 no tricolor carioca, o técnico Marcelo Martelotte deve promover apenas uma mudança. O ex-atleticano Alex Sandro substitui Roberto Brum.

Dessa forma, o Peixe deve encarar o Atlético no 4-4-2 com Rafael; Pará, Vinícius, Durval e Léo; Danilo, Arouca, Alex Sandro e Alan Patrick; Neymar e Zé Eduardo.

Peixe no Brasileirão-2010:

O Santos é o sétimo colocado com 42 pontos em 27 jogos; marcou 45 e sofreu 35 gols. Em casa, obteve oito vitórias, dois empates e sofreu três derrotas. Como o time paulista já tem vaga garantida na Libertadores-2011, o único objetivo dele no Campeonato Brasileiro é o título – hoje, está dez pontos atrás do líder Fluminense, com um jogo a menos. O artilheiro do Peixe na competição é o atacante Neymar, com oito gols.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…