12 maio 2014 - 19h19

Chapecoense tem o segundo pior ataque da competição

Adversária do Atlético na próxima rodada do Brasileiro, a Chapecoense tem o segundo pior ataque do Brasileirão, com apenas dois gols assinalados. Neste quesito, o time catarinense empata com Coritiba e Criciúma e perde para o Figueirense, que ainda não balançou as redes neste Brasileirão.

Coincidência ou não, os quatro times menos ofensivos do campeonato estão na zona de rebaixamento.

Para impedir o ataque da Chapecoense, o técnico Miguel Ángel Portugal poderá contar com o retorno de Dráusio, além dos outros zagueiros que vem jogando, como Cléberson e Léo Pereira. Outras opções passam por Willian Rocha, Lucas Alves, Ricardo Silva e Tárik.



Últimas Notícias

Opinião

Passo a passo

O mundo anda acelerado demais. Era um processo que já vínhamos passando mas parece que se acelerou no período pós pandemia, pois todo mundo parece…