30 jun 2015 - 17h51

Combinação pode repor clube no G4 ou deixá-lo em 7º

O Rubro-Negro recebe a equipe do São Paulo na próxima quarta-feira (01/07) de olho em uma reabilitação e de olho também em um provável retorno ao G4 do campeonato brasileiro.

Mas para que isso ocorra, uma combinação de resultados é necessária, e assim sendo os times acima do Furacão necessitam perder ou na pior das hipóteses empatar para que o Rubro-Negro volte ao grupo dos quatro melhores classificados do campeonato brasileiro de 2015.

Dos adversários acima do Furacão todos eles, serão mandantes em seus jogos, com exceção ao próprio São Paulo, adversário do Atlético Paranaense na noite desta quarta-feira e que se encontra hoje na quarta colocação. Na próxima rodada Sport, Atlético Mineiro, Fluminense e Grêmio, enfrentarão Internacional, Coritiba, Santos e Cruzeiro, e caso confirmem suas vitórias o máximo que o Rubro-Negro conseguirá com uma vitória contra o tricolor paulista é tomar a posição do próprio adversário e subirá uma posição na tabela de classificação indo da sexta para a quinta posição. Caso os concorrentes diretos ao G4 empatem seu confrontos e o Furacão vença seu jogo, o time paranaense salta de sexto para a segunda colocação ficando a um ponto do líder Sport. Existe ainda a possibilidade do Rubro-Negro assumir a liderança, mas para que isso ocorra todos os times acima na tabela terão que perder seus jogos em casa, e os comandados do técnico Milton Mendes devem vencer seu confronto.

Todas as situações acima podem levar o Atlético Paranaense as posições que até duas rodadas atrás o clube ocupava, todavia um empate e uma derrota podem acarretar prejuízos consideráveis ao Furacão. Isso porque caso empate ou perca seu jogo o Rubro-Negro poderá perder uma posição, se distanciar do G4, além de ver uma provável aproximação dos adversários que se encontram hoje abaixo da tabela de classificação.

O jogo entre o Furacão e o São Paulo será na próxima quarta-feira (01/07) a partir das 22h na Arena da Baixada.



Últimas Notícias