20 jul 2015 - 14h29

Defesa voltou a não sofrer gols

Se a campanha do Atlético foi primorosa até a sexta rodada, quando teve aproveitamento acima da média, tendo vencido cinco jogos e perdido um, com a melhor pontuação no período desde que o campeonato começou a ser disputado no sistema de pontos corridos, muito deve-se ao desempenho da defesa.

O Furacão sofreu somente três gols e assim se manteve entre os primeiros do certame. Cenário oposto vivido nas três rodadas seguintes, quando a defesa foi vazada seis vezes em três partidas, inclusive sofrendo dois gols em casa do segundo pior ataque da competição, do vice lanterna Coritiba que fez até o momento somente oito gols.

Desde a derrota para o Grêmio o clube sofreu gols em todas as rodadas, mas conseguiu “passar em branco” na vitória por 1 a 0 diante da Chapecoense neste domingo. Foram ao todo seis partidas consecutivas com o Atlético sofrendo gols. Na próxima rodada o Atlético enfrenta o Avaí fora de casa, onde o clube catarinense marcou dez dos quinze tentos anotados até o momento.



Últimas Notícias

Brasileirão A1

Pra espantar a zica

Pela oitava rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 3 x 1 Criciúma. Precisando se recuperar das últimas péssimas atuações, o Athletico foi a campo pressionado.…

Opinião

O paradoxo de Cuca

Há motivos para se gostar de Cuca, não necessariamente pelo o que tem feito aqui, mas pelo seu histórico vencedor, estando claramente na prateleira de…

Brasileirão A1

Mais do mesmo…

Pela sétima rodada do Brasileirão, no Presidente Vargas, Fortaleza 1 x 0 Athletico. Se a dificuldade técnica do time do Athletico já era esperada para…