15 ago 2015 - 21h38

Equipe termina o primeiro turno com 30 pontos

Após um início de ano histórico negativamente, com a disputa do "Torneio da Morte" do Paranaense e a eliminação precoce para o Tupi, time da terceira divisão nacional e que havia ficado em 9° no Mineiro, dentro da Baixada, o Atlético comandado por Milton Mendes superou as expectativas até do mais otimista dos atleticanos no primeiro turno do Brasileiro.

Após as primeiras 19 rodadas da competição, fechado o primeiro turno, o Atlético conquistou 30 pontos de 57 possíveis e chegou a um aproveitamento de 52.6% dos pontos disputados. A equipe ainda marcou 23 gols e sofreu 21, com um saldo positivo de 2 gols. O Atlético ainda não sabe em qual posição vai ficar, pois, depende dos outros jogos da rodada.

Tal aproveitamento fez com que a campanha de 2015 fosse o terceiro melhor início, na primeira divisão, do Atlético na história do Campeonato Brasileiro por pontos corridos, disputado neste formato desde 2003.

O melhor início foi em 2013, quando o Rubro-Negro conquistou 34 de 57 pontos – com 32 gols pró e 24 gols contra – e chegou a um aproveitamento de 59.6%. A equipe foi 4° colocada após as primeiras 19 rodadas. Na segunda posição fica o ano de 2004, quando foram conquistados 38 de 69 pontos – eram 24 times na disputa – um aproveitamento de 55.1%. Em 2004 a equipe ainda marcou 40 gols e levou 26 e terminou o turno em 5° lugar.

Com o segundo turno tendo início no próximo fim de semana, quando o Furacão visita o inconstante Internacional, a equipe treinada por Milton Mendes vai em busca do que os elencos de 2013 e 2004 conseguiram: regularidade para terminar na parte de cima da tabela.

Confira abaixo os aproveitamentos do Atlético após o término do primeiro turno:

2013 – 19J; 34P-4°; 9V, 7E, 3D; 34GP, 24GC; 59.6%
2012 – 19J; 32P-6°; 10V, 2E, 7D; 27GP, 23GC; 56.1% **
2004 – 23J; 38P-5°; 11V, 5E, 7D; 40GP, 26GC; 55.1% *
2015 – 18J; 30P-8°; 9V, 3E, 7D; 23GP, 21GC; 52.6%
2010 – 19J; 27P-8°; 8V, 3E, 8D; 23GP, 28GC; 47.4%
2014 – 19J; 25P-11°; 6V, 7E, 6D; 25GP, 26GC; 43.9%
2009 – 19J; 24P-13°; 7V, E3, 9D; 21GP, 29GC; 42.1%
2005 – 21J; 25P-16°; 7V, 4E, 10D; 33GP, 34GC; 39.7% *
2006 – 19J; 22P-14°; 6V, 4E, 9D; 25GP, 24GC; 38.6%
2007 – 19J; 22P-17°; 5V, 7E, 7D; 29GP, 28GC; 38.6%
2003 – 23J; 26P-17°; 7V, 5E, 11D; 30GP, 33GC; 37.7% *
2008 – 19J; 20P-16°; 5V, 5E, 5D; 17GP, 21GC; 35.1%
2011 – 19J; 18P-17°; 4V, 6E, 9D; 20GP, 28GC; 31.6%

*: campeonatos com mais de 20 times
**: aproveitamento na segunda divisão



Últimas Notícias

Brasileirão A1

Até empatar!

Pela nona rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 1 x 1 Anderson Daronco. Como já esperado, o jogo seria bastante brigado e equilibrado. O desequilíbrio…

Brasileirão A1

Pra espantar a zica

Pela oitava rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 3 x 1 Criciúma. Precisando se recuperar das últimas péssimas atuações, o Athletico foi a campo pressionado.…

Opinião

O paradoxo de Cuca

Há motivos para se gostar de Cuca, não necessariamente pelo o que tem feito aqui, mas pelo seu histórico vencedor, estando claramente na prateleira de…

Brasileirão A1

Mais do mesmo…

Pela sétima rodada do Brasileirão, no Presidente Vargas, Fortaleza 1 x 0 Athletico. Se a dificuldade técnica do time do Athletico já era esperada para…