27 abr 2016 - 12h22

Poucos remanescentes de 2013

A última vez que a dupla Atletiba decidiu o estadual foi em 2013. Naquele ano, assim como repetido em 2014, o Atlético abriu mão de disputar o estadual com sua força máxima e depois de ter perdido o estadual 2012 para o rival, oportunizou ao Coritiba chegar ao seu tetra campeonato estadual ao utilizar seu elenco Sub-23.

Comandado pelo desconhecido Arthur Bernardes o elenco até surpreendeu, inclusive tendo vencido o Atletiba disputado na Vila Olímpica por 3 a 1 com gols de Edigar Junio, Zezinho e Crislan, tendo o veterano Alex descontado para o Coritiba. Nas finais entretanto o time sucumbiu e acabou somente empatando o primeiro jogo e perdendo a grande decisão para o rival.

O uso do contestado elenco Sub-23 tinha como um de seus principais objetivos poder dar mais experiência e lapidar jogadores para o elenco principal atleticano no futuro. Entretanto, pegando-se o time que jogou a final de 2013, observa-se o baixíssimo aproveitamento. Daquele time permanecem no elenco principal hoje somente o goleiro Santos e o volante Hernani, ambos reservas.

Alguns atletas ainda pertencem ao clube, outros vão e voltam sem nunca se firmar além de outros já dispensados. O Atlético que decidiu o título de 2013 diante do Coritiba tinha Santos; Rafael Zuchi, Erwin , Bruno Costa e Héracles; Renan Foguinho, Hernani e Zezinho; Edigar Junio, Crislan. Entraram ainda durante a partida Elivélton e Bruno Pelissari.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

O que já sabíamos!

“Já se sabe que foi um erro o que aconteceu, os amistosos não terem acontecido, e não ter disputado o Estadual porque a preparação ficou…